Idanha: Nações Unidas patrocinam Feira Raiana

Idanha: Nações Unidas patrocinam Feira Raiana

A 22.ª edição da Feira Raiana está agendada de 17 a 21 de julho, realizando-se este ano do lado português da fronteira, em Idanha-a-Nova.

A 22.ª edição da Feira Raiana está agendada de 17 a 21 de julho, realizando-se este ano do lado português da fronteira, em Idanha-a-Nova.

O evento é este ano dedicado à temática do Desenvolvimento Sustentável, abarcando os subtemas da alimentação, da agricultura ou da economia verde, entre outros, contando para tal, no seu decorrer, com a presença de representantes dos países da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP).

Armindo Jacinto, presidente do município de Idanha-a-Nova, o anfitrião desta próxima edição, avança ainda que o certame vai ter o alto patrocínio das Nações Unidas e vai contar com a presença do diretor geral do Fundo das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO).

Já a nível de animação musical, e apesar do cartaz não estar ainda na rua, certo será já certo o nome de Xutos e Pontapés, um certame onde bisam a sua apresentação. Recorde-se que a banda está a comemorar 40 anos de carreira, tendo lançado recentemente o trabalho “Duro”, o primeiro sem Zé Pedro, mas ainda com temas assinados pelo guitarrista.

Fonte: Reconquista

O artigo foi publicado originalmente em Gazeta Rural.

Comente este artigo
Anterior Produtores de soja dos E.U.A visitam Portugal para reforçar relações comerciais
Próximo Lidl. Exportações de frutas e legumes nacionais sobem 13%

Artigos relacionados

Últimas

Vento dificulta combate ao incêndio em Ourique

O vento está a dificultar o combate às chamas no incêndio florestal que deflagrou hoje à tarde no concelho de Ourique, […]

Vídeos

A Agricultura não para

É também tempo de perceber e valorizar muitas profissões que são essenciais para que tenhamos os alimentos que temos habitualmente em […]

Internacional

The business of space

Recommended for you


Fixing the food system
By 2050, the world’s population will be an estimated 9.7bn people, […]