Produtores de soja dos E.U.A visitam Portugal para reforçar relações comerciais

Produtores de soja dos E.U.A visitam Portugal para reforçar relações comerciais

O U.S. Soybean Export Council (USSEC), grupo que representa os produtores de soja norte americanos, está de visita a Portugal para reforçar a ligação com os seus clientes portugueses.Os Estados Unidos da América produzem de forma consistente e inovadora soja nutritiva e de qualidade e contam com o apoio de clientes importantes em países como Portugal.

A relação entre os Estados Unidos e Portugal no comércio da soja é sólida, uma vez que alguns produtos alimentares e até a alimentação animal dependem deste ingrediente. Cerca de 60% da soja cultivada nos Estados Unidos é exportada para os mercados internacionais, o que significa que os pequenos agricultores que a produzem dependem fortemente do apoio destes mercados para a sua sobrevivência.

“Ano após ano, muitos países contaram com a soja proveniente dos Estados Unidos e, colheita após colheita, os agricultores americanos asseguraram que esta era entregue,” afirma Jim Sutter, CEO da USSEC. “Por isso, é importante para nós reafirmar perante os nossos atuais e futuros clientes em Portugal que os valorizamos, bem como à parceria que temos com eles e ao investimento que fazem na soja americana.”

O sector norte-americano de produção de soja tem liderado a investigação a nível global para desenvolver e melhorar continuamente a produção de soja, de modo a assegurar que os Estados Unidos conseguem satisfazer, ou até superar, as necessidades dos seus clientes. O USSEC está em Portugal com a expectativa de conhecer os principais stakeholders na área da agricultura, para discutir o mercado da soja e como é que os dois países podem reforçar a sua parceria no futuro.

SOBRE O USSEC

O U.S. Soybean Export Council (USSEC) é uma parceria dinâmica entre produtores de soja, transportadores, merchandisers, agroindústrias parceiras e organizações agrícolas que trabalham em conjunto para cimentar a posição da soja americana em todo o mundo. Através de uma rede global de escritórios internacionais e de apoios sólidos nos Estados Unidos, o USSEC tem como objetivo promover a soja e os produtos à base de soja, defende a utilização da soja na alimentação de pessoas, animais e em aquacultura, e divulga os benefícios da utilização da soja através de programas educativos. Esta entidade promove também a ligação entre os líderes deste setor através de um programa de associação.

O artigo foi publicado originalmente em Gazeta Rural.

Comente este artigo
Anterior Portugal foi o terceiro país que mais beneficiou do apoio do BEI em percentagem do PIB
Próximo Idanha: Nações Unidas patrocinam Feira Raiana

Artigos relacionados

Comunicados

ARBCAS – Seca e Estratégia Hídrica – Campilhas e Alto Sado

Desde há muitos anos que a escassez de recursos hídricos tem obrigado a ARBCAS – Associação de Regantes e Beneficiários de Campilhas e Alto Sado a repensar a sua ação e estratégia tendo em vista […]

Sugeridas

Informação ANPROMIS de Julho 2017

Consulte o boletim “Informação ANPROMIS” referente ao mês de Julho.
→Consulte o documento aqui← […]

Últimas

Capoulas Santos: Balança agroalimentar “encurtou 700 milhões de euros”

[Fonte: Jornal Económico]
O Governo estima que balança agroalimentar tenha melhorado 700 milhões de euros no ano passado, de acordo com as estimativas de Luís Capoulas Santos. […]