Fogo em Alvaiázere corta A13 nos dois sentidos entre Cabaços e Avelar

[Fonte: Expresso]

O incêndio que deflagrou ao início da tarde desta quinta-feira em Alvaiázere, no distrito de Leiria, obrigou ao corte da autoestrada 13 (A13) nos dois sentidos, disse a fonte.

Segundo fonte do CDOS, o fogo tem duas frentes ativas numa zona florestal na localidade de Melgaz, freguesia de Pussos São Pedro, em Alvaiázere.

O alerta foi dado por um vigia, pelas 14h16, acrescenta a mesma fonte, salientando que “não há habitações em risco”.

No local estão oito meios aéreos, um dos quais “é apenas de reconhecimento”, disse a mesma fonte.

A página da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil referia que, às 15h50, estavam no teatro de operações 207 elementos, apoiados por 56 veículos.

Comente este artigo

O artigo Fogo em Alvaiázere corta A13 nos dois sentidos entre Cabaços e Avelar foi publicado originalmente em Expresso.

Anterior Faleceu Humberto Matos, antigo vice-presidente da Câmara de Moimenta da Beira e atual presidente da Direção da Associação de Fruticultores da Beira Távora
Próximo Incêndios: Fogo em Alvaiázere corta A13 nos dois sentidos entre Cabaços e Avelar

Artigos relacionados

Nacional

Barragem do Fridão não avança

[Fonte: Público]

O ministro do Ambiente e da Transição Energética, João Pedro Matos Fernandes, anunciou nesta terça-feira, na Comissão de Ambiente, Ordenamento do Território, Descentralização, Poder Local e Habitação que a Barragem do Fridão não vai ser construída.

Matos Fernandes respondia a uma pergunta do deputado socialista Renato Sampaio e garantiu que o Estado acompanha um “desinteresse” demonstrado pela própria EDP na construção da barragem. […]

Nacional

Apoios à monitorização de pragas florestais variam entre 70 e 150 euros

[Fonte: Correio da Manhã]

Os apoios financeiros para monitorização de pragas florestais no âmbito do Programa Nacional de Monitorização variam entre 70 e 100 euros por parcela e os 150 euros por armadilha, segundo um despacho publicado esta quarta-feira em Diário da República. […]

Nacional

FENAREG apresentou estratégia de longo prazo para o regadio em Portugal ao Ministro da Agricultura na FNA

[Fonte: Gazeta Rural]

A FENAREG apresentou a 14 de Junho, na Feira Nacional de Agricultura, uma proposta de estratégia para as políticas públicas de regadio até 2050, estimando que será necessário investir 1.700 milhões de euros no período 2021-2027 para modernizar o regadio nacional. […]