Cotações – Frutos Frescos – Informação Semanal – 14 a 20 Janeiro 2019

[Fonte: Agricultura e Mar - Cotações]

Análise SIMA – Sistema de Informação de Mercados Agrícolas

Mercados de produção

Abacate – No Algarve, a oferta de abacate “Bacon e Tipo Hass” continuou média e a procura baixa. Escoamento fraco. Boa qualidade do produto. Cotações estáveis.

Amora – No Alentejo, na área de mercado Odemira, a oferta foi baixa e a procura média/alta. Qualidade excelente. Cotações estáveis.

Anona – No Algarve, a oferta foi quase nula e damos por terminada a campanha de produção e comercialização da anona.

Clementina – No Algarve, a oferta foi média e a procura média/baixa. Cotações estáveis. Escoamento regular.

Dióspiro – No Algarve, a oferta de dióspiro “Tipo Mole e Tipo Rijo” foi baixa e a procura também. Descida das cotações. Escoamento “aos poucos”. Boa qualidade dos produtos.

Framboesa

Framboesa – Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta continuou baixa e a procura alta. Valorização da cotação máxima e da mais frequente.

No Alentejo, na área de mercado Odemira, as cotações mantiveram-se estáveis. A procura continuou superior à oferta média. Qualidade excelente.

No Algarve, com as temperaturas baixas a oferta continuou baixa, mas a procura esteve animada. Escoamento total. Cotações estáveis.

Goiaba – No Algarve, a oferta manteve-se baixa e a procura também. Produto com razoável qualidade. Escoamento “aos poucos”. Cotações estáveis.

Kiwi – Na Região Norte, na área de mercado Entre Douro e Minho, a oferta foi abundante e a procura alta. Cotações estáveis. Saída de Kiwi para Espanha e concorrência de produto importado.

Na região Centro, na área de mercado Beira Litoral, a oferta ajustou-se à procura alta. Cotações estáveis. Saída de produto para a Europa.

Citrinos

Laranja – No Alentejo, na área de mercado, Vidigueira, as cotações desvalorizaram. A oferta de laranja “Baia”, continuou média e equilibrada com a procura.

No Algarve, a oferta de laranja “Newhall” equilibrou a procura média. Escoamento regular. Cotações estáveis.

Limão – Na Região Centro, na área de mercado Montes da Senhora, a oferta continuou a aumentar mas a procura esteve pouco animada. Apesar da fraca comercialização as cotações não se alteraram.

No Algarve, a oferta foi média e a procura baixa. Escoamento regular. Cotações estáveis. Boa qualidade do produto.

Maçã

Maçã – Na Região Norte, na área de mercado Carrazeda de Ansiães, o volume de transacções foi idêntico ao da semana anterior, porque a oferta e a procura mantiveram-se ligeiramente baixas.

Nos mercados ainda existe abundância de maçã de sala, originária de produtores que não têm condições de frio e por isso, tentam comercializar as suas produções. Cotações estáveis.

Douro Sul

Na área de mercado, Douro Sul, registou-se uma redução do volume de vendas em relação à semana anterior. A oferta foi suficiente para a procura média/alta. Maior procura pelos calibres superiores a 7O/75 mm. Cotações estáveis.

Na Região Centro, na área de mercado Guarda, a procura continuou baixa. Produto de boa qualidade. Cotações estáveis.

Na área de mercado, Cova da Beira, terminou a comercialização da maçã “Bravo de Esmolfe”. A procura pelas outras variedades continuou fraca, normal para o início do ano. Cotações estáveis. A qualidade da maioria da produção comercializada foi boa.

Leiria

Na área de mercado Leiria, as cotações não se alteraram. A oferta foi alta e a procura média. Produto de boa qualidade.

Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Oeste, continuou a comercialização de maçã.

No Alentejo, na área de mercado, Juromenha, a procura de maçã “Granny Smith” manteve-se muito fraca. Cotações sem alterações.

Maçã Biológica

Maçã Biológica – Na região Centro, na área de mercado Beira Litoral, a oferta de maçã biológica foi escassa e a procura baixa. Cotações estáveis.

Marmelo – No Algarve, terminou a campanha de comercialização do marmelo.

Morango – No Alentejo, na área de mercado de Odemira, as cotações mantiveram-se estáveis. Oferta média equilibrada com a procura.

No Algarve, iniciou-se a campanha de produção e comercialização do morango, com a oferta e a procura baixas. Escoamento regular.

Pêra

Pêra – Na Região Centro, na área de mercado Leiria, as cotações mantiveram-se estáveis. Boa qualidade do produto. Procura média/alta.

Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Oeste, continuou a campanha de comercialização da pêra “Rocha, com a oferta e a procura altas.

Tangerina – No Algarve, iniciou-se a campanha de produção e comercialização da tangerina “Setubalense”, com a oferta e a procura ainda baixas. Escoamento fraco.

Mercados abastecedores

Os Mercados Abastecedores, mantiveram-se bem abastecidos para a generalidade dos frutos em comercialização, destacando-se o abacate, clementina, kiwi, laranja, limão, maçã, pêra e tangerina. A procura incidiu no abacate, banana, clementina, kiwi, laranja, limão, maçã, pêra, tangera, tangerina.

Quanto aos produtos importados, verificou-se a presença de abacate, anona, ananás, banana, clementina, dióspiro, kiwi, lima, limão, manga, meloa, melão, morango, papaia, romã e uva.

Como novidade apareceu a toranja do Algarve e uva branca e rosada da África do Sul.

Abacate – Oferta suficiente de abacate das variedades “Bacon” e “Reed” de origem nacional (Algarve). Frutos com boa apresentação, acondicionados em tabuleiro com 4/5 kg. Procura normal. Manutenção das cotações. Presença de abacate de Espanha.

Ananás – Oferta suficiente de ananás oriundo da Costa Rica, de diversas imagens de marca e categorias. Boa procura. Descida das cotações.

Banana

Banana – Oferta suficiente de banana “dólar”, de diversas origens e imagens de marca, acondicionada em caixas com 18 kg e pouco expressiva para a banana da Madeira. Boa procura. Subida das cotações para toda a banana, excepto a banana proveniente da Costa Rica no MAP, cuja cotação se manteve.

Castanha – Oferta suficiente de castanha, de boa qualidade. Procura média. Descida das cotações.

Clementina – Oferta suficiente de clementina de origem nacional (Algarve). Frutos com boa apresentação de vários calibres, acondicionados em caixas de 10/12 kg. Presença de produto espanhol. Boa procura. Manutenção das cotações.

Dióspiro – Menor oferta de dióspiro da variedade “tipo rijo”, proveniente de Espanha. Procura normal. Manutenção das cotações.

Kiwi – Oferta suficiente de kiwi nacional. Presença de kiwi da Grécia. Procura normal. Manutenção das cotações.

Citrinos

Laranja – Oferta significativa de laranja de origem nacional (Algarve), da variedade “Newhall”. Boa procura, essencialmente para os calibres médios/pequenos. Manutenção das cotações. Presença de laranja proveniente de Espanha.

Lima – Oferta suficiente de lima proveniente do Brasil (avião). Frutos embalados em caixa de cartão de 4 kg, com diferentes imagens de marca. Procura normal. Manutenção das cotações.

Limão – Oferta suficiente de limão de origem nacional. Boa procura. Descida das cotações. Presença de limão proveniente de Espanha.

Maçã

Maçã – Oferta significativa de maçã de origem nacional das variedades, “Bravo Esmolfe n/certificada”, “Fuji”, Golden Delicious”, “Granny Smith”, “Red Delicious”, “Royal Gala” e “Reineta Parda”. Procura normal. Manutenção das cotações.

Manga – Oferta suficiente de manga do Brasil (avião/barco). Frutos com boa apresentação, de diversas variedades, acondicionados em tabuleiro. Boa procura. Manutenção das cotações.

Melão/Meloa – Presença de melão da variedade “tipo Pele de Sapo” e meloa “Gália”, proveniente do Brasil. Boa procura. Descida das cotações para o melão.

Morango

Morango – Oferta reduzida e pontual de morango nacional. Presença de morango, proveniente de Espanha, acondicionado em caixas e cuvetes de 500g. Boa procura. Manutenção das cotações.

Papaia – Oferta suficiente de papaia do Brasil. Frutos com boa apresentação, acondicionados em tabuleiro. Boa procura. Manutenção das cotações.

Pêra

Pêra – Oferta abundante de pêra “Rocha”, sendo menos expressiva as variedades “Doyenne Commice” e “General Leclerc”. Frutos de diversos calibres acondicionados em caixa (10/12 kg) e tabuleiro (4/5 kg). Boa procura. Manutenção das cotações.

Romã – Oferta suficiente de romã proveniente de Espanha. Procura média. Manutenção das cotações.

Tangera – Oferta suficiente de tangera de origem nacional (Algarve). Procura média. Manutenção das cotações.

Tangerina – Aumento da oferta de tangerina das variedades “Clemenvilla/Nova, Fremont e “Setubalense”. Presença de tangerina de Espanha. Boa procura. Oscilações das cotações para todo o produto.

Agricultura e Mar Actual

Comente este artigo

O artigo Cotações – Frutos Frescos – Informação Semanal – 14 a 20 Janeiro 2019 foi publicado originalmente em Agricultura e Mar - Cotações.

Anterior 24H Agricultura: Universidade do Algarve recebe maior competição formativa de estudantes universitários do país
Próximo Des centaines de fleurs sauvages menacées de disparaître en France

Artigos relacionados

Internacional

Cooperativas CLM pide que la futura PAC debe incluir claramente el debate del agua

[Fonte: Agroinformacion – PAC]
El presidente de Cooperativas Agroalimentarias en Castilla-La Mancha, Ángel Villafranca, ha señalado que en las negociaciones de la nueva Política Agraria Comunitaria (PAC) se deberá contemplar “por encima de todo” la economía circular, todo lo que corresponda al cambio climático e incluir el debate del agua, […]

Últimas

Governo apoia explorações agrícolas danificadas por tornado no Algarve

O Ministério da Agricultara Florestas e Desenvolvimento Rural abriu hoje um concurso destinado a apoiar as explorações agrícolas onde se verificaram prejuízos, na sequência do forte tornado que percorreu a zona do Sotavento algarvio.
De acordo com o despacho assinado pelo Ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, […]

Ofertas

Oferta de emprego – Engenheiro Alimentar – Técnico de Qualidade – Viseu

Se gostas de qualidade e apresentar sempre os melhores produtos e serviços este trabalho é para ti. Procuramos alguém que nos ajude a zelar e fazer cumprir todas as normas diretivas e a diminuir o erro, melhorando os métodos de produção. […]