Mercado do leite e dos produtos lácteos: liquidadas existências públicas de leite em pó desnatado

Mercado do leite e dos produtos lácteos: liquidadas existências públicas de leite em pó desnatado

No último concurso, foram vendidas as 162 toneladas restantes de uma quantidade inicial de 380 000 toneladas de existências públicas de leite em pó desnatado, liquidando assim a totalidade das existências compradas e geridas pela Comissão.

Na sequência da crise do mercado do leite e dos produtos lácteos que afetou os produtores da UE com preços mais baixos em 2015-2016, a Comissão Europeia adquiriu por intervenção pública, entre 2015 e 2017, um total de 380 000 toneladas de leite em pó desnatado. O objetivo era estabilizar o mercado e apoiar os rendimentos dos agricultores.

A partir do final de 2016, a Comissão iniciou um processo de concursos públicos mensais e, mais tarde, bimensais, a fim de vender progressivamente aqueles produtos no mercado, sem lhe causar perturbações.

Phil Hogan, Comissário com o pelouro da Agricultura e Desenvolvimento Rural, declarou: «A venda das existências públicas remanescentes de leite em pó desnatado encerra um capítulo. A liquidação das existências, sem impacto no preço do leite em pó desnatado, recompensa a paciência e a gestão prudente que a Comissão mostrou em todas as fases do processo, desde 2015. As ações da Comissão traduziram-se no aumento dos preços e na estabilidade do mercado. Uma vez mais, a Comissão Europeia demonstrou o seu empenho no apoio aos agricultores europeus, bem como a sua solidariedade, em tempos de crise. Comprova-se assim a necessidade e a eficácia dos instrumentos da política agrícola comum. Os instrumentos certos agiram como uma rede de segurança vital num período de perturbação significativa do mercado; a sua intervenção adequada e atempada permitiu garantir a viabilidade de centenas de milhares de produtores de leite europeus

Dois anos e meio após o primeiro concurso, as existências públicas foram liquidadas e o preço do leite aumentou de forma significativa, passando de 26% por quilograma no verão de 2016 para 34% por quilograma em maio de 2019.

Os pormenores do processo de concurso estão documentados em linha, no portal do Observatório do Mercado do Leite. Com a venda das últimas 162 toneladas, foram liquidadas na íntegra as 380 000 toneladas iniciais leite em pó desnatado e todos os 14 Estados-Membros que o armazenavam em nome da Comissão conseguiram liquidar as suas existências.

Mais informações

Ficha informativa «Gestão do mercado dos produtos lácteos da UE no período de 2014-2019»

Panorâmica das existências e dos concursos

Observatório do Mercado do Leite

Comente este artigo

O artigo foi publicado originalmente em Comissão Europeira .

Anterior Costa classifica como "gostoso" apoio da UE para Centeno concluir orçamento do euro
Próximo Avisos Agrícolas: 10 (2019) Vinha, Kiwi, Cereja, Maçã, Pera, Mirtilo, Batata, Tomate, Buxo e Azevinho – Entre Douro e Minho

Artigos relacionados

Dossiers

Reunião para a revisão do Plano de Acção Nacional para o Uso Sustentável dos Produtos Fitofarmacêuticos

Teve lugar no dia 9 de Maio, na Direcção-Geral de Alimentação e Veterinária, em Oeiras, a segunda reunião para a revisão do Plano de Acção Nacional para o Uso Sustentável dos Produtos Fitofarmacêuticos [PANUSPF]. Nesta reunião, onde se sentam à mesa as diversas entidades oficiais e particulares […]

Notícias fitofarmacêuticos

Syngenta lança Carial Top – novo fungicida para proteção das culturas do tomate e da batata

A Syngenta apresentou a 19 de Fevereiro, no CNEMA, em Santarém, o Carial Top, um fungicida de nova geração específico para o controlo do míldio e da alternariose, […]

Comunicados

Pedido Único 2019

A partir do dia 1 de fevereiro de 2019 inicia-se o período de apresentação de candidaturas ao Pedido Único de 2019. […]