Cotações – Ovinos e Caprinos – Informação Semanal – 21 a 27 Janeiro 2019

[Fonte: Agricultura e Mar - Cotações]

Análise SIMA – Sistema de Informação de Mercados Agrícolas

Ovinos

Verificou-se uma redução das cotações médias nacionais dos borregos de <12 Kg, -16 cêntimos / Kg. Pelo contrário, os borregos de 22-28 Kg (+9 cêntimos / Kg) e de >28 Kg (+3 cêntimos / Kg), apresentaram um ligeiro acréscimo em relação à semana anterior.

Na Beira Interior a oferta de borrego foi relativamente fraca na área de mercado da Guarda e média em Castelo Branco e na Cova da Beira; a procura foi fraca em Castelo Branco, relativamente fraca na Cova da Beira e média na Guarda. Redução de cotações dos borregos de <12 Kg (-50 cêntimos / Kg) e de 13-21 Kg (-60 cêntimos / Kg) na Guarda.

Beira Litoral

Na Beira Litoral a oferta de borrego foi muito fraca na área de mercado de Coimbra e relativamente fraca em Viseu; a procura foi muito fraca em Coimbra e fraca em Viseu, tendo baixado em relação à semana anterior nas duas áreas. Estabilidade de cotações dos borregos nas duas áreas.

No Ribatejo e Oeste, na área de mercado do Ribatejo, a oferta de borrego foi média e a procura fraca. A relação oferta-procura apresenta-se desequilibrada, sendo a oferta superior à procura. Estabilidade generalizada das cotações dos borregos.

Alentejo

No Alentejo a oferta de borrego foi relativamente fraca nas áreas de mercado de Estremoz e Beja e média no Alentejo Norte, Alentejo Litoral, Évora e Elvas; a procura foi média em todas as áreas de mercado. Subida de cotações dos borregos de 22-28 Kg (+15 cêntimos / Kg) e >28 Kg (+20 cêntimos / Kg) e descida dos de 13-21 Kg (-20 cêntimos / Kg) em Évora; em Beja deu-se uma diminuição dos borregos de 13-21 e de >28 Kg (-10 cêntimos / Kg); em Estremoz aumentaram os borregos de 22-28 Kg (+25 cêntimos / Kg).

Em Trás-os-Montes a oferta e a procura de borrego foram relativamente fracas. Estabilidade de cotações dos borregos de <12 Kg e de 13-21 Kg nas três áreas de mercado analisadas, Alto Tâmega, Terra Fria e Terra Quente.

Caprinos

Na semana em análise a cotação média dos cabritos de <10 Kg sofreu um novo decréscimo em relação à semana anterior na região da Beira Interior, -17 cêntimos / Kg; estabilidade destes animais na Beira Litoral e em Trás-os-Montes.

Beira Interior

Na Beira Interior a oferta de cabrito foi fraca na área de mercado da Cova da Beira e relativamente fraca na Guarda e na Sertã; a procura foi fraca na Cova da Beira e na Sertã e média na Guarda. Redução de cotações dos cabritos de <10 Kg e de >10 Kg na Guarda (-50 cêntimos / Kg).

Beira Litoral

Na Beira Litoral a oferta de cabrito foi muito fraca na área de mercado de Coimbra e fraca em Viseu; a procura foi muito fraca em Coimbra e fraca em Viseu. Estabilidade de cotações dos cabritos nas duas áreas.

Em Trás-os-Montes a oferta e a procura de cabrito foram relativamente fracas. Estabilidade de cotações dos cabritos de <10 Kg nas três áreas de mercado analisadas, Alto Tâmega, Terra Fria e Terra Quente.

Ribatejo e Oeste

No Ribatejo e Oeste, na área de mercado do Ribatejo, a oferta de cabrito foi relativamente fraca e a procura fraca. Estabilidade de cotações dos cabritos, de <10 Kg e de >10 Kg.

Alentejo

No Alentejo a oferta de cabrito foi fraca na área de mercado de Estremoz e média no Alentejo Norte; a procura foi fraca nas duas áreas referidas. Estabilidade de cotações dos cabritos de <10 Kg e de >10 Kg nas duas áreas.

Todas as cotações aqui.

Agricultura e Mar Actual

Comente este artigo

O artigo Cotações – Ovinos e Caprinos – Informação Semanal – 21 a 27 Janeiro 2019 foi publicado originalmente em Agricultura e Mar - Cotações.

Anterior Agricultores podem ficar com “corda na garganta” devido à falta de chuva
Próximo Top 5 dos eventos mais lidos em 2018 no Agroportal

Artigos relacionados

Notícias PAC pós 2020

El puzzle europeo, ¿oportunidad o peligro para la PAC?: Cooperativas y OPAs analizan las elecciones

[Fonte: Agroinformacion – PAC]
Las elecciones europeas son una oportunidad para que las cooperativas y las organizaciones agrarias defiendan de nuevo la necesidad de una PAC fuerte, un sector competitivo apoyado por las instituciones y, por qué no, la oportunidad de un comisario de Agricultura y Desarrollo rural español. […]

Nacional

Escola de Pastores tem candidaturas abertas

[Fonte: Voz do Campo]
Decorrem até 23 de agosto as inscrições para a Escola de Pastores, uma das ações no âmbito do Programa de Valorização do Queijo da Região Centro, candidatado ao CENTRO 2020, cujo objetivo se centra na oferta de um importante contributo para a valorização económica da fileira dos queijos DOP da Região Centro. […]

Ofertas

Oferta de Emprego – Trabalhadores agrícolas/Jardineiros (M/F) – Azeitão

Exploração em Azeitão procura Casal – Caseiros para efectuar trabalho de agricultura e jardinagem.