Opinião: Avenida dos supermercados

Opinião: Avenida dos supermercados

Rui Curado Silva

Na Várzea está a ser construída mais uma grande superfície. Dali seguimos até à rebatizada Avenida dos Supermercados (Av. Mário Soares e Av. Sá Carneiro), junto à qual surgirá outro supermercado.

Não aprendemos com os erros cometidos no final dos anos 90, quando se começou a arrasar o comércio tradicional na Figueira. Será que é preciso repetir o que foi dito e redito, que este tipo de soluções comerciais não gera mais emprego do que aquele que destrói?

Não percebemos que o lucro que ali se obtém voa para outras paragens e não é reinvestido na Figueira? Ignoramos que os impostos pagos por parte daquelas empresas vão parar à Holanda, através de esquemas fictícios de compra e venda? Ninguém está contra a existência de grandes superfícies, desde que haja um equilíbrio entre o benefício do serviço que prestam e o comércio local. Todavia, esse equilíbrio há muito que foi quebrado na Figueira, com claro prejuízo para o comércio local.

Ainda mais inaceitável é continuada fuga aos impostos de algumas destas empresas, funcionando como autênticos sorvedouros da riqueza local para a Holanda, um país bem mais rico que Portugal. Este problema poderia ser atacado pela Associação Nacional de Municípios, se fosse um órgão descomprometido. Não seria muito difícil pressionar ou impor um mecanismo a estas empresas para estancar a fuga de riqueza local para a Holanda.

Comente este artigo
Anterior España y la CE examinan el impacto del “brexit” en la pesca
Próximo Sur Facebook Fière d'être agricultrice ? Dites-le !

Artigos relacionados

Nacional

Vinhos da Península de Setúbal na Feira Iberoamericana de Gastronomia

Os vinhos da Península de Setúbal estão presentes, através da Rota de Vinhos, na FIBEGA 2016, Feira Iberoamericana de Gastronomia, a decorrer em Mérida, Espanha.
A participação, entre 20 e 22 de novembro, acontece a convite da Entidade Regional de Turismo da Região de Lisboa, e, […]

Últimas

Mercado Fora D’ Horas – 9 de Agosto 2017 – Silves

A última das 3 noites temáticas de 2017 é sobre a Visão e traz-nos um programa dedicado à cultura visual.
Depois de termos sentido os cheiros e nuances das ervas aromáticas, ouvido o som dos legumes e da palavra, de termos passeado por entre as bancas animadas e descoberto que o Mercado Municipal de Silves nos pode surpreender e converter-se num espaço de arte e cultura, […]

Últimas

Soja de Portugal faz 75 anos

[Fonte: Vida económica]

Comente este artigo
#wpdevar_comment_6 span,#wpdevar_comment_6 iframe{width:100% !important;}O artigo Soja de Portugal faz 75 anos foi publicado originalmente em Vida económica […]