Está a crescer a exportação de frutas e legumes nacionais

Está a crescer a exportação de frutas e legumes nacionais

Os recentes resultados desta exportação conjunta representam um crescimento de mais de 20% face ao período anterior e reafirmam o contributo do Lidl Portugal no apoio aos produtores portugueses na exportação de frutas e legumes para o mercado europeu. Entre março de 2019 e janeiro de 2020, mais de 1000 camiões saíram do nosso país, carregados destes produtos nacionais, rumo a 8 países europeus.

Foram apresentados em Berlim, no âmbito da Fruit Logistica, a maior feira de frutas e legumes do mundo, os resultados da campanha de exportação do Lidl Portugal em parceria com a Portugal Fresh: desde março de 2019, e até à data, foram exportadas 18 mil toneladas de frutas e legumes nacionais, representando um crescimento de mais de 20% face ao ano anterior. No total, entre março de 2019 e janeiro de 2020, saíram de Portugal rumo ao resto da Europa, 1052 camiões carregados com frutas e legumes portugueses.

A Pera Rocha continua a ser um produto com grande recetividade nos mercados europeus, particularmente em Espanha, França, Inglaterra, Irlanda, Polónia e Alemanha, para os quais foram exportadas um total de 10,7 mil toneladas. Só para a Alemanha foram exportadas 8 mil toneladas, estando esta fruta, símbolo nacional, disponível nas cerca de 3 mil lojas Lidl deste país. Em resultado da parceria iniciada em 2014, o Lidl Portugal e a Portugal Fresh já exportaram mais de 48 mil toneladas de Pera Rocha para os mercados europeus, das quais 32 mil toneladas unicamente para a Alemanha.

No seguimento da sua estratégia de apoio à produção nacional e promoção de produtos portugueses nos países onde está presente, o Lidl, em conjunto com a Portugal Fresh, ajudou também a exportar um total de 2,9 mil toneladas de Couve Coração e 2,3 mil toneladas de Frutos Vermelhos para países como Polónia, França e Alemanha. Por sua vez, 1.9 mil toneladas de Melão chegaram França, Alemanha, Bélgica, Suíça, Suécia e Polónia.

Ainda referente a este ano, surge como novidade o arranque da exportação de Cenoura biológica para a Alemanha, estando a sua recetividade neste mercado em fase de avaliação. Cultivando um espírito de parceria e inovação com os seus parceiros comerciais, o Lidl Portugal anunciou também durante o evento o início da exportação de Citrinos do Algarve – laranjas -, sendo também a Alemanha o mercado internacional escolhido, que recebeu ontem a primeira mercadoria. O Lidl Portugal é responsável pela compra de mais de 50% da produção destes Citrinos da região do Algarve – laranjas, limões e clementinas – certificada e IGP.

Para Pierre Silva, diretor de Frutas & Legumes do Lidl Portugal, “a parceria que mantemos com a Portugal Fresh tem-nos permitido levar a frescura dos nossos produtos aos mercados onde estamos presentes, sempre assente no princípio de qualidade ao melhor preço, e tem atingido resultados que se superam de ano para ano, comprovando o seu sucesso.” O responsável adianta ainda que “É um orgulho podermos apoiar os produtores portugueses, enquanto facilitadores da exportação dos produtos nacionais, contribuindo igualmente para o crescimento económico do país.”

Nas palavras de Gonçalo Santos Andrade, presidente da Portugal Fresh,“a parceria entre a Portugal Fresh e o Lidl, que teve início em 2014, tem sido de extrema importância para o setor das frutas, legumes e flores. O Lidl tem contribuído para o enorme crescimento das exportações e o balanço que fazemos é muito positivo. Os elevados requisitos e exigências de qualidade, de serviço e de segurança alimentar, têm contribuído para um aumento da profissionalização das empresas exportadoras que estão, agora, muito melhor preparadas e competitivas para enfrentarem o mercado, cada vez mais global. Esta parceria tem todas as condições para ser ainda mais reforçada, tendo em conta a diversidade e qualidade diferenciadora dos produtos portugueses.”

O artigo foi publicado originalmente em Voz do Campo.

Comente este artigo
Anterior Corteva Agriscience™ e Nomisma apresentam estudo sobre controlo de insetos sugadores, na Fruit Logistica em Berlim
Próximo Encontro internacional sobre fitossanidade, organizado pela AESaVe e Phytoma em Espanha - 1 e 2 de abril

Artigos relacionados

Sugeridas

Na Serra do Alvão, a vaca Maronesa combate as alterações climáticas

A recomendação das Nações Unidas é clara: a redução das emissões de metano na agricultura é essencial no combate às alterações climáticas. Mas, […]

Nacional

Abóbora Butternut a ganhar terreno

A abóbora é actualmente cultivada em todo o Mundo. Em Portugal, é na região do Oeste que está concentrada a maioria da produção. […]

Últimas

Laboratório de Química da ACOS alarga capacidade com novas valências

Através da aquisição de novo equipamento, o Laboratório de Química da ACOS aumentou a oferta de análises possíveis ao azeite […]