Novo Governo toma posse. Nuno Russo é o novo secretário de Estado da Agricultura e do Desenvolvimento Rural

Novo Governo toma posse. Nuno Russo é o novo secretário de Estado da Agricultura e do Desenvolvimento Rural

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, conferiu hoje, 26 de Outubro, posse ao novo Governo, o segundo chefiado pelo primeiro-ministro António Costa, numa cerimónia que se realizou no Palácio da Ajuda, em Lisboa. Além do primeiro-Ministro, tomaram posse os ministros e os secretários de Estado.

No próximo Executivo, a ministra da Agricultura, Maria do Céu Albuquerque (que era secretária de Estado do Desenvolvimento Regional no Governo anterior), disporá apenas de uma Secretaria de Estado, entregue a Nuno Russo, que assumirá as funções de secretário de Estado da Agricultura e do Desenvolvimento Rural.

De realçar que as áreas de influência do Ministério da Agricultura foram divididas e entregues a diferentes tutelas. Por exemplo, a pasta das Florestas fica no Ministério do Ambiente, sendo agora o secretário de Estado da Conservação da Natureza, das Florestas e do Ordenamento do Território. João Catarino.

O Governo apresentará agora o seu Programa à Assembleia da República.

Nuno Russo o dinamizador da Bolsa de Terras

Nuno Tiago dos Santos Russo nasceu em Maio de 1976, em Santarém.  Tem um MBA em Administração Pública, pelo Instituto Superior de Gestão e Administração de Santarém (2018) e o Curso Avançado de Gestão Pública (CAGEP) pelo Instituto Nacional de Administração, I.P. (2011).

É ainda mestre em Zootecnia, pela Universidade de Évora (2008) e tem a Licenciatura em Engenharia Zootécnica, pela Universidade de Évora (2001).

De 2017 a 2019 foi Técnico Superior do Instituto de Financiamento da Agricultura e Pescas (IFAP). Antes, de 2014 a 2017 foi Coordenador da Bolsa Nacional de Terras, no Ministério da Agricultura e do Mar (MAM).

Mas, a experiência de Nuno Russo ligada à agricultura não se fica por aqui. Entre 2013 e 2014 foi Técnico Especialista do Gabinete do Secretário de Estado das Florestas e Desenvolvimento Rural, no Ministério da Agricultura e do Mar (MAM), e no Ministério da Agricultura, do Mar, do Ambiente e do Ordenamento do Território (MAMAOT).

De 2010 a 2013 foi Director Regional da Direcção Regional de Agricultura e Pescas de Lisboa e Vale do Tejo (DRAPLVT) e entre 2009 e 2010 foi assessor do secretário de Estado das Florestas e Desenvolvimento Rural – Assessoria Técnica Especializada ao Gabinete da SEFDR no Ministério da Agricultura, do Desenvolvimento Rural e das Pescas (MADRP).

De 2001 a 2009 foi Técnico Superior do Instituto de Financiamento da Agricultura e Pescas (IFAP).

Agricultura e Mar Actual

O artigo foi publicado originalmente em Agricultura e Mar.

Comente este artigo
Anterior Centro de Reprodução do Lince Ibérico já permitiu 122 nascimentos em 10 anos
Próximo Fabricantes investigam ingredientes alternativos e sustentáveis para alimentação animal

Artigos relacionados

Fitotema

Medidas Preventivas – Traça da Batateira – Phtorimaea operculella

Logo que as batatas estejam prontas, devem ser colhidas. A manutenção da vegetação e das batatas na terra por tempo desnecessário […]

Nacional

Mais de 4200 fogos e 7800 hectares de área ardida desde início do ano

Este ano já se registaram mais de 4200 incêndios rurais e a área ardida ultrapassa os 7800 hectares, segundo dados provisórios divulgados esta terça-feira pelo Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF). […]

Nacional

Alentejo com barragens quase secas

[Fonte: Tribuna Alentejo] É um problema mundial e um quarto da população de todo o planeta pode mesmo, […]