GS1 Portugal – Codipor promove debate sobre boas práticas colaborativas

GS1 Portugal – Codipor promove debate sobre boas práticas colaborativas

[Fonte: Revista Frutas Legumes e Flores]

Decorre durante o dia de hoje, 13 de Março, em Lisboa, o “VII Seminário de Boas Práticas Colaborativas”, dedicado ao tema “Repensar a colaboração nas cadeias de valor”. Este evento é promovido pela organização de direito privado e sem fins lucrativos GS1 Portugal – Codipor e visa ser «o ponto de encontro das cadeias de valor dos mais diversos sectores de actividade, para debater os actuais desafios e antecipar novas tendências de mercado».

No evento, serão abordados os temas “Soluções de colaboração estratégica e programas de aceleração empresarial”, “The road to zero emission”, “Retail with purpose, powering future growth”, “Repensar das exigências da omnicalidade”, “Soluções de sustentabilidade na cadeia de abastecimento”, “Indústria 4.0 e e-commerce” e “Soluções de cibersegurança”. O programa, que inclui ainda debates, pode ser consultado aqui.

Notícias relacionadas

Comente este artigo

O artigo GS1 Portugal – Codipor promove debate sobre boas práticas colaborativas foi publicado originalmente em Revista Frutas Legumes e Flores

Anterior The Commission confirms a rescue operation for palm oil biofuels
Próximo Governo altera regime do PNRegadios para garantir "clareza" e "segurança"

Artigos relacionados

Nacional

Montalegre | Operação “Floresta Segura 2019”

[Fonte: Gazeta Rural]

Montalegre assinalou a operação “Floresta Segura 2019” com uma parada na Praça do Município envolvendo as forças desta iniciativa. Uma ação que juntou autarquia, GNR, Baldios, Associações Humanitárias dos Bombeiros Voluntários, Sapadores Florestais, ICNF, Serviço Municipal de Proteção Civil, […]

Nacional

Tribunal de Contas aponta falhas na avaliação e baixa execução de fundos ambientais


Lisboa, 15 fev (Lusa) – O Tribunal de Contas criticou hoje o desempenho do Instituto de Conservação da Natureza e Florestas nas avaliações que visam otimizar a afetação de recursos de alguns fundos da área ambiental, assim como a sua baixa execução.
O Tribunal de Contas analisou a ação do Fundo Florestal Permanente (FFP), […]

Últimas

Continente prevê comprar 550 toneladas de cereja portuguesa em 2019

[Fonte: Agricultura e Mar]

A cadeia de hipermercados Continente prevê comprar, em 2019, cerca de 550 toneladas de cereja portuguesa, provenientes de cinco fornecedores: a Cerfundão (que agrupa cerca de 50 produtores), as Frutas Almério, a Cermouros, a Cereja S. Julião e a Quinta da Feitoria. […]