Congresso Nacional de Zootecnia com balanço positivo

Congresso Nacional de Zootecnia com balanço positivo

A Associação Portuguesa de Engenharia Zootécnica organizou, nos passados dias 19 a 21 de Setembro, na Universidade de Évora, o XXI ZOOTEC – Congresso Nacional de Zootecnia sob o tema “Alterações Climáticas e Zootecnia: Uma Abordagem Holística”.

O XXI congresso pautou-se por uma elevada participação com congressistas oriundos das várias instituições que ministram cursos de Zootecnia de todo o país.

Ao longo dos três dias de congresso debateram-se as alterações climáticas e a Zootecnia, entre outros temas. Em 12 sessões temáticas, foram ouvidos 12 oradores convidados nas áreas de maior destaque da Zootecnia na actualidade. Discutiram-se alterações climáticas, pastagens, sistemas de produção resilientes, sustentáveis, Zootecnia de precisão e, os desafios da fileira da produção.

Paralelamente, realizou-se o II Encontro de Directores de Curso de Zootecnia e, a reunião com a comitiva da Associação Brasileira de Zootecnistas.

Ficou clara, ao longo dos três dias de Congresso, a enorme a evolução e produção científica no sentido de avaliar adequadamente e minimizar os impactos ambientais da

produção animal. Foram referidos os dados mais actuais quanto a esta problemática e discutidas soluções e estratégias.

A Organização congratula-se pelo enorme sucesso alcançado no XXI Congresso Nacional de Zootecnia, esperando deste modo ter contribuído fortemente para a união dos Zootécnicos e para a promoção e defesa da Zootecnia nacional e internacional.

O artigo foi publicado originalmente em Voz do Campo.

Comente este artigo
Anterior Exportações de carne de bovino da UE para a Coreia retomadas ao fim de quase 20 anos
Próximo Armazenamento de água desceu em todas as bacias hidrográficas em Setembro

Artigos relacionados

Nacional

Novo bispo de Tête. “Enquanto na Beira há excesso de chuva”, noutras zonas está tudo “a secar”

Há vários anos em Moçambique, onde era atualmente o Superior dos Missionários da Consolata, Diamantino Antunes diz que nunca esperou ser Bispo, […]

Sugeridas

Exército nunca usou drones contra incêndios que custaram 5,8 milhões de euros

O Exército comprou 36 drones em 2018 para vigilância dos fogos, mas nunca os usou. Mesmo assim, Estado vai comprar mais 12 equipamentos […]

Sugeridas

Marcelo exige ação a Costa e dá a palavra ao Parlamento

[Fonte: RTP] O Presidente da República considera que o Parlamento deve clarificar ao país se quer ou não manter o Governo de António Costa em funções. Marcelo Rebelo de Sousa defende ainda que o Executivo deve um pedido de desculpas aos familiares das vítimas dos incêndios florestais de junho e de outubro.