GNR já deteve este ano 37 pessoas pelo crime de incêndio florestal

GNR já deteve este ano 37 pessoas pelo crime de incêndio florestal

Entre 1 de Janeiro e 23 de Junho a GNR registou 2650 crimes de incêndio florestal e identificou ainda 304 pessoas relacionadas com esse tipo de crime.

Os incêndios rurais já consumiram este ano 9705 hectares Paulo Pimenta

Desde o início do ano e até ao passado dia 23 de Junho a GNR deteve 37 pessoas pelo crime de incêndio florestal. São alguns dos responsáveis pelos 2650 crimes de incêndio florestal registados pelos militares no mesmo período. A GNR identificou ainda 304 pessoas pelo mesmo motivo.

O artigo foi publicado originalmente em Público.

Comente este artigo
Anterior Governo dos Açores participa, em Bruxelas, no Infoday do Horizonte 2020
Próximo O Referencial GLOBALG.A.P., uma “nova” oportunidade para os Produtores Agrícolas - João Rodrigues

Artigos relacionados

Nacional

Centro Pinus faz inquérito sobre Política de Investimento para o Pinheiro-bravo

O Centro Pinus — Associação para a Valorização da Floresta de Pinho encontra-se a desenvolver um estudo que tem por objectivo principal elaborar uma proposta de “Política de Investimento para o Pinheiro-bravo” […]

Notícias fitofarmacêuticos

Doenças de conservação: Maçãs e Peras

As doenças de conservação das pomóideas são causadas por diversos fungos. […]

Últimas

Incêndio florestal em Valença mobiliza quatro meios aéreos

Um incêndio que deflagrou esta terça-feira numa zona florestal na localidade de São Julião, em Valença, Viana do Castelo, mobilizou quatro meios áreos.  […]