Corticeira Amorim lança tecnologia anti-TCA para rolhas de espumante

Corticeira Amorim lança tecnologia anti-TCA para rolhas de espumante

A Corticeira Amorim anuncia o lançamento mundial das primeiras rolhas de cortiça para vinhos espumantes com garantia de TCA não detetável*. O altamente inovador sistema NDtech Sparkling assenta num sistema pioneiro de triagem das rolhas, resultado de dois anos de investimento em I&D.

NDtech Sparkling surge três anos após a apresentação do sistema NDtech, que fornece uma garantia de TCA não detetável* às rolhas naturais para vinhos tranquilos. As tecnologias de digitalização e avaliação são semelhantes à usada neste tipo de rolhas, mas a análise é agora focada nos discos de cortiça natural que entram em contacto com o vinho e adaptada aos três diâmetros típicos utilizados na indústria de espumantes: 49x24mm, x25mm e x26mm.

“Este processo maximiza a precisão tecnológica, que permite reforçar a qualidade da rolha de cortiça para espumante, exaltando as características técnicas e de sustentabilidade daquele que é o melhor vedante para vinho”, afirma Carlos de Jesus, Diretor de Marketing e Comunicação da Corticeira Amorim.

A Corticeira Amorim prevê um funcionamento das linhas NDtech Sparkling de 24 horas por dia, 7 dias por semana, tendo em conta o elevado nível de procura que esta nova solução deverá ter a nível nacional e internacional.

Validada por entidades independentes, NDtech é uma tecnologia de ponta que possibilita uma revolução em termos de controlo de qualidade, pois pela primeira vez introduz uma triagem específica nas linhas de produção das rolhas de cortiça, baseada em cromatografia gasosa, uma das análises químicas mais sofisticadas do mundo.

Mais informações sobre NDtech

 O nível de precisão necessário para responder ao requisito “garantia de TCA não detetável*” é impressionante, uma vez que 0.5 nanogramas/litro é o equivalente a uma gota de água em 800 piscinas olímpicas.

*O Teor de TCA libertável igual ou inferior ao limite de quantificação de 0,5 ng/L, numa análise efetuada de acordo com a norma ISO 20752.

Tradicionalmente, cada análise de cromatografia gasosa demora cerca de 14 minutos. Através do NDtech, a Corticeira Amorim conseguiu reduzir o tempo desta análise para cerca de 16 segundos, viabilizando a sua integração numa escala industrial. Importa referir que o processo de controlo de qualidade da Corticeira Amorim continuará a integrar estas análises, feitas com base em amostragens estatisticamente relevantes e num total mais de 40 mil análises mensais.

Comente este artigo

O artigo foi publicado originalmente em Voz do Campo .

Anterior MicroAlgae Solutions Índia galardoada com o prestigiado prémio Liderança Tecnológica 2019
Próximo Investigação desenvolve maçã menos exigente com frio

Artigos relacionados

Formações

Curso: Universidade de Évora promove Curso de Operadores de Máquinas Agrícolas – 25 de julho a 13 de setembro

A Universidade de Évora vai realizar, entre 25 de julho e 13 de setembro de 2019, o curso de Operadores de Máquinas Agrícolas (COMA). […]

Nacional

Já arrancou a Lusoflora 2019

Já arrancou a Lusoflora 2019. O evento está a acontecer no CNEMA, em Santarém, até final do dia de amanhã.
A Associação Portuguesa de Produtores de Plantas e Flores Naturais (APPPFN) pretende com esta iniciativa viabilizar a competitividade da horticultura ornamental no mercado global, […]

Nacional

Jornadas Parlamentares do PS/Açores dedicadas à sustentabilidade ambiental

O Grupo Parlamentar do PS/Açores realiza, entre os dias 18 e 20 de março, as suas próximas jornadas parlamentares dedicadas à […]