Vinhos da Região de Palmela voltam a destacar-se em concursos internacionais

Vinhos da Região de Palmela voltam a destacar-se em concursos internacionais

A qualidade do vinho produzido em Palmela continua a ser reconhecida em certames internacionais. O Município de Palmela aprovou, por unanimidade, na última reunião pública, quatro saudações dirigidas à Adega Camolas, Casa Ermelinda Freitas e Sivipa que, mais uma vez, dignificaram a Região trazendo para “casa” medalhas arrecadadas em concursos realizados em Espanha e França.

Saudação (Adega Camolas)

Realizou-se em Madrid (Espanha), a XVII edição do Concurso Internacional de Vinhos Bacchus 2019, a única Competição Internacional de Vinhos em Espanha reconhecida pela VINOFED (Federação que integra as mais renomadas competições mundiais), OIV (Organização Internacional da Vinha e do Vinho) e pelo do Ministério da Agricultura, Alimentação e Meio Ambiente (MAGRAMA).

Durante quatro dias, mais de uma centena de provadores de renome a nível internacional avaliaram mais de 1500 vinhos provenientes de todos os continentes, tendo a Adega Camolas conquistado Medalha de Prata para o Moscatel de Setúbal D.O. 2016.

Reunida na Biblioteca Municipal de Palmela a 3 de abril, a Câmara Municipal de Palmela congratula a Adega Camolas, pelo reconhecimento da sua marca além-fronteiras, promovendo a região vinícola de Palmela.

Saudação (Casa Ermelinda Freitas – Concurso Vinalies Internationales 2019)

Todos os anos, a União dos Enólogos Franceses organiza uma das mais prestigiadas competições do mundo do vinho, o “Concurso Vinalies Internationales”.

A edição de 2019, que se realizou no passado mês de março, reuniu 3.340 amostras de 45 países, perante um júri internacional de 127 profissionais.

Impulsionadas pelo alto renome da competição, as garrafas premiadas são muito apreciadas pelos distribuidores e pelos consumidores em todo o mundo, tendo a Casa Ermelinda de Freitas sido destingida com 3 medalhas de ouro, a saber:

3 Medalhas de Ouro: Carménère Reseva 2016 | Valoroso Chardonnay 2018 | Vinha do Torrão Tinto 2017

Reunida na Biblioteca Municipal de Palmela, a 3 de abril, a Câmara Municipal de Palmela saúda a Casa Ermelinda de Freitas, pela excelente qualidade e diferenciação dos seus vinhos, cuja afirmação internacional tem contribuído para a valorização do nosso Município.

Saudação (Casa Ermelinda Freitas – Citadelles du Vin 2019)

Criado em 2000, o Concurso Citadelles du Vin tem como missão promover a diversidade e qualidade dos vinhos a concurso.

Realizou no início do mês de março em Bourg – Bordeaux (França), o Concurso Citadelles du Vin 2019, onde mais de 50 provadores internacionais de alto nível se reuniram para eleger os melhores vinhos entre mil amostras vindas dos quatro cantos do mundo.

Nesta edição a adega Casa Ermelinda Freitas granjeou 8 Medalhas de Ouro, a saber:

Flor de La Mar Tinto 2016 |Terras do Pó Reserva 2016 | Dona Ermelinda Branco 2018 |Vinha da Fonte Reserva 2016 | Vinha do Torrão Reserva 2016 | Vinha da Valentina Syrah 2016 | Vinha da Fonte Touriga Nacional 2017| Vinha do Rosário Touriga Nacional 2017

Reunida na Biblioteca Municipal de Palmela a 3 de abril, a Câmara Municipal de Palmela saúda a Adega Casa Ermelinda Freitas pela brilhante prestação obtida em Bordeaux (França), e por cooperar na divulgação do nome de Fernando Pó – Aldeia Vinhateira – a nível internacional.

Saudação (Sivipa – Sociedade Vinícola de Palmela)

Moscatel Roxo Superior 10 anos – vinho de cor topázio, notas de chocolate, frutos secos e mel, equilibrado e longo – e o Moscatel de Setúbal Superior 10 anos – vinho de cor topázio, com reflexos esverdeados, notas de frutos secos, alecrim e mel, longo e de enorme qualidade – da Adega Sivipa – Sociedade Vinícola de Palmela, foi laureado com duas medalhas de ouro no concurso Citadelles du Vin 2019 que se realizou em França.

Durante três dias reuniram-se em Bourg – Bordeaux, mais de 50 provadores profissionais de vinho e de renome internacional composto por enólogos, sommeliers, compradores, críticos e jornalista de vinho, elegeram os melhores vinhos de trinta países a concurso.

Reunida na Biblioteca Municipal de Palmela, a 3 de abril, a Câmara Municipal de Palmela parabeniza a Sivipa – Sociedade Vinícola de Palmela, pela notoriedade, internacional que os seus vinhos têm trazido ao Concelho de Palmela.

O artigo foi publicado originalmente em Gazeta Rural.

Comente este artigo
Anterior Lavradores de Feitoria aposta no mercado asiático e ganha ‘Ouro’ no Japão
Próximo Biofrade presente na Conferência Portugal Saudável

Artigos relacionados

Últimas

Quais os benefícios da tecnologia na gestão florestal?

O investigador Jorge Cunha, do INESC TEC, foi um dos oradores do AgroIn 2019. Em entrevista à VIDA RURAL explica quais os maiores benefícios da tecnologia na gestão da floresta. […]

Últimas

Produção de leite 2020, que desafios?

O início de um novo ano acarreta desafios, desejos e ambições! Para 2019 a APROLEP – Associação dos Produtores de Leite de Portugal lançou um conjunto de desafios a todos os intervenientes do setor:

à […]

Últimas

Capoulas Santos atribui à IACA a Medalha de Honra da Agricultura

O actual Ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, Luís Capoulas Santos, , na sua última cerimónia pública, atribuiu hoje, dia 18 de Outubro, […]