Publicada “Estratégia Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional”

Foi hoje publicada em Diário da República a Resolução do Conselho de Ministros n.º 132/2021 que aprova a Estratégia Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional, e que será o referencial de atuação integrada para um sistema alimentar sustentável e saudável.

A RCM encontra-se estruturada em torno dos seguintes eixos prioritários:

– Melhoria do estado nutricional da população portuguesa;

– Segurança dos abastecimentos alimentares, incluindo dos grupos mais vulneráveis;

– Melhor funcionamento da cadeia de valor agroalimentar, incluindo a redução do desperdício alimentar;

– Qualidade da informação ao consumidor;

– Empreendedorismo e inovação em matéria de segurança alimentar e nutricional (antecipando os riscos emergentes e continuando a garantir que os géneros alimentícios comercializados em Portugal são sãos e seguros).

O artigo foi publicado originalmente em Rede Rural Nacional.

Comente este artigo
Anterior Importadores e jornalistas em missão no Douro para potenciar vinho e turismo
Próximo O ICNF participa esta semana na reunião de Diretores-gerais da UE, responsáveis pela caça, em Postojna, Eslovénia.

Artigos relacionados

Sugeridas

Os novos preconceitos sobre o mundo rural – Cecília Meireles

Enquanto algumas forças políticas continuarem a não compreender que não há ambientalista mais eficaz do que um agricultor responsável, arriscamo-nos a continuar a ter decisões […]

Últimas

Argentina disponível para partilhar imagens de satélite com Angola para apoio à agricultura

A Argentina manifestou hoje o desejo de apoiar Angola no setor da agricultura, fornecendo imagens de satélite de campos agrícolas para um […]

Dossiers

Agricultura. Ano bom para as cerejas mas mau para os cereais

O tempo quente e seco de março provocou quebras significativas na produção de cereais. Produtores de batatas e cerejas saem a ganhar
Os receios de que a precipitação de final de abril/início de maio viesse a causar fortes prejuízos nas variedades precoces de cerejas não se concretizaram e, […]