Produção de Plantas em Viveiro. Ação de sensibilização sobre Xylella fastidiosa

Produção de Plantas em Viveiro. Ação de sensibilização sobre Xylella fastidiosa

[Fonte: Voz do Campo]

A Direção Regional de Agricultura e Pescas do Centro (DRAPCentro) e a Direção Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV), levam a efeito, no próximo dia 12 de abril, a partir das 10h00, no auditório H1 da Escola Superior Agrária de Coimbra, uma Ação de Sensibilização destinada aos produtores de plantas em viveiro. A iniciativa associou-se também a Direção Regional de Agricultura e Pescas de Lisboa e Vale do Tejo (DRAPLVT) e objetiva-se esclarecer sobre os requisitos técnicos para produção e comercialização de plantas especificadas hospedeiras de Xylella fastidiosa, bem como o investimento em viveiros para a produção de plantas ornamentais, fruteiras e videiras suscetíveis à  mesma.

Recorde-se que, segundo a informação da DRAPCentro, a  Xylella fastidiosa é uma bactéria que infeta as plantas pertencentes a uma vasta lista de espécies botânicas bloqueando os seus vasos xilémicos. Esta característica dificulta a absorção de água e nutrientes e, consequentemente, conduz ao aparecimento de sintomas semelhantes a stress hídrico tais como: murchidão, queimaduras na zona marginal e apical das folhas, morte de alguns ramos e, por ­fim, da totalidade da planta.

Comente este artigo

O artigo Produção de Plantas em Viveiro. Ação de sensibilização sobre Xylella fastidiosa foi publicado originalmente em Voz do Campo.

Anterior Politécnico de Coimbra dá a conhecer os mais inovadores projetos de investigação
Próximo Número de vacas leiteiras subiu 4,3% de 2014 a 2018, mas consumo de leite caiu desde 2010

Artigos relacionados

Sugeridas

Exportações de vinho renovam recorde ao ultrapassar os 800 milhões em 2018

[Fonte: Jornal de Negócios]
Os estrangeiros encheram mais o copo com vinho português no ano passado. Segundo um estudo da Informa D&B divulgado esta terça-feira, 5 de fevereiro, as exportações de vinho nacional atingiram os 806 milhões de euros em 2018, […]

Últimas

Cientistas estudam estratégias para tornar telecomunicações mais resistentes

[Fonte: ECO]

Investigadores de Coimbra e de Aveiro estão a desenvolver “novos modelos matemáticos e algoritmos” para “aumentar a resiliência das redes de comunicações” de serviços críticos, como hospitais, bolsa, banca e serviços de emergência, foi anunciado esta segunda-feira.
Onze investigadores das faculdades de Ciências e Tecnologia (FCTUC) e de Economia (FEUC) da Universidade de Coimbra (UC) e do Instituto de Telecomunicações de Aveiro estão a desenvolver “novos modelos matemáticos e algoritmos”, […]

Nacional

Preocupação dos consumidores com a biodiversidade pode ser catalisador de mudança na agroindústria

[Fonte: Vida Rural]

De acordo com o mais recente Eurobarómetro, a maioria dos europeus estão preocupados com a perda de diversidade. Dos 27 mil consumidores entrevistados, 70% dizem estar alerta para os problemas de biodiversidade, com 96% a referir que acredita ter uma responsabilidade para com a natureza. […]