Produção de banana na Madeira regista quebra de 5 mil toneladas em 2018

Produção de banana na Madeira regista quebra de 5 mil toneladas em 2018

[Fonte: ffl revista]

A produção de banana na Madeira não deverá ultrapassar as 17 mil toneladas este ano, o que representa um decréscimo de cinco mil toneladas face a 2017, indicou o Governo Regional, explicando que a quebra resulta de factores meteorológicos.

«Devido às intempéries no início do ano, houve um prejuízo directamente na produção e depois também houve um prejuízo indirecto que reduziu o rendimento do ponto de vista da qualidade e da quantidade», explicou o secretário regional da Agricultura e Pescas, Humberto Vasconcelos, vincando que o objectivo para 2019 é, no entanto, voltar às 22 mil toneladas.

O governante fez estas declarações durante a assinatura, no Funchal, do seguro colectivo de colheitas entre a GESBA (Empresa Pública de Gestão do Sector da Banana) e a Crédito Agrícola Seguros, no valor de 436 mil euros, dos quais 150 mil são suportados pela entidade pública e os restantes por fundos comunitários.

«Isto demonstra que o trabalho do Governo Regional vai na defesa dos bananicultores e da sua produção», afirmou Humberto Vasconcelos, citado pela Lusa, explicando que a banana, uma das produções mais importantes da Madeira, terá a partir de agora um seguro colectivo sempre activo contra intempéries.

O novo seguro abrange a totalidade dos 1.900 bananicultores e destina-se a cobrir prejuízos provocados pela queda de granizo, incêndios, chuvas e ventos fortes.

O secretário da Agricultura lembrou, por outro lado, que o executivo assumiu o pagamento dos prejuízos, na ordem de um milhão de euros, na sequência do mau tempo ocorrido no início de ano.

Notícias relacionadas

Comente este artigo

O artigo Produção de banana na Madeira regista quebra de 5 mil toneladas em 2018 foi publicado originalmente em ffl revista

Anterior Pêssego chega à gama natural da Frubis
Próximo Estudo da UC avalia impacto dos eucaliptos no funcionamento dos ribeiros

Artigos relacionados

Nacional

Cinco comissões vitivinícolas investem na criação de ‘Fileira de Vinhos da Região Centro’

[Fonte: Dinheiro Digital]
As cinco Comissões Vitivinícolas da Região Centro – Lisboa, Dão, Bairrada, Beira Interior e Tejo – uniram-se pela primeira vez na história para anunciar um plano estratégico comum, que passa pelo investimento de 3,5 milhões de euros (M€) na criação da Fileira de Vinhos da Região Centro, […]

Últimas

Presença no SIAL Paris é “um investimento” e “uma janela de oportunidade” para as empresas do agroalimentar – Suplemento Agrovida

A feira SIAL PARIS 2018, que tem lugar em Paris no Parque de Exposições de Villepinte de 21 a 25 de outubro, vai acolher 72 empresas portuguesas sob a mesma marca-chapéu – 60 empresas pela PortugalFoods e 12 pelo Inovcluster.
Evento bienal, o SIAL Paris contou em 2016 com cerca de 7.000 expositores de 105 países e registou mais de 160 mil visitantes profissionais de 194 países. […]

Últimas

 PAC 2020: En tiempos de creciente incertidumbre y cambio climático, es imprescindible un cambio profundo de la Política Agrícola Común

Ante la reunión esta semana del Consejo de Ministros de la UE, donde la Comisión Europea presentará su comunicación sobre la reforma de la Política Agrícola Común (PAC) para 2020, ECVC recuerda que las soluciones planteadas en dicho documento continúan esquivando la raíz de la crisis . […]