Portal do código de boas práticas comerciais

Portal do código de boas práticas comerciais

[Fonte: GPP]

Foi apresentado ao Governo no dia 6 de fevereiro pelas estruturas representativas do setor agroalimentar e da distribuição, que fazem parte da Plataforma de Acompanhamento das Relações na Cadeia Agroalimentar (PARCA), o Portal que visa operacionalizar o Código de Boas Práticas Comerciais na Cadeia de Agroalimentar (CBPC).

Este Código de Boas Práticas vem complementar o enquadramento legal já existente, sendo o resultado de um compromisso entre seis entidades representativas de todos os elos da cadeia agroalimentar. Tem como objetivo promover comportamentos comerciais leais e justos entre os agentes económicos.

O CBPC integra a colaboração de todos os setores da cadeira de valor, desde a produção agrícola, representada pela Confederação dos Agricultores de Portugal (CAP), pela Confederação Nacional da Agricultura (CNA) e pela Confederação Nacional das Cooperativas Agrícolas e do Crédito Agrícola de Portugal (CONFAGRI); a indústria agroalimentar, representada pela Confederação Empresarial de Portugal (CIP); e a distribuição representada pela Confederação do Comércio e Serviços de Portugal (CCP) e pela Associação Portuguesa das Empresas de Distribuição (APED).

Inclui um conjunto de regras e procedimentos que proporcionam uma maior efetividade do processo de autorregulação, designadamente através da criação de um mecanismo eficaz de resolução de litígios entre os associados das Partes Subscritoras.

Fortalece também a cooperação e a transparência no setor agroalimentar, assegurando simultaneamente a promoção da equidade e da reciprocidade entre os principais agentes de toda a cadeia de abastecimento envolvidos na produção, processamento e distribuição de bens de consumo.

A adesão ao CBPC é gratuita e voluntária e as empresas aderentes comprometem-se a respeitar os princípios de boas práticas nas relações comerciais e os requisitos que visam a integração destes nas suas operações diárias.

Aceda aqui ao portal do código de boas práticas

Comente este artigo
Anterior Governo adota novas medidas de mitigação dos efeitos da seca na Agricultura
Próximo Com a Seca prolongada e os Incêndios, o ano de 2017 trouxe-nos do pior que nos poderia ter acontecido na agricultura, na floresta e no mundo rural. Na vida! - João Dinis

Artigos relacionados

Eventos

Sessão pública sobre a revisão do Programa Regional de Ordenamento Florestal do Alentejo – 29 de Janeiro 2018 – Évora

O ICNF convida todos os interessados a participar na sessão pública sobre a revisão do Programa Regional de Ordenamento Florestal do Alentejo, no âmbito do período de discussão pública em curso, que terá lugar dia 29 de janeiro de 2018, às 17 horas, no Auditório do Colégio Espírito Santo na Universidade de Évora, […]

Cotações ES

Se anima la comercialización en el mercado del aceite de oliva

[Fonte: Agropopular – Cotações]

Tras la anterior semana de aumentos, los precios en origen del aceite de oliva repitieron. Según responsables de Oleoestepa, el mercado ha ganado firmeza al registrar una mayor actividad comercial, consolidando los niveles de precios. […]

Noticias Fitofarmacêuticos

Para alimentar o planeta até 2050 é preciso menos carne e mais verduras e fruta

[Fonte: Anipla – fitonotícias]

Relatório revela que o planeta não terá capacidade de alimentar tantas pessoas sem uma transformação dos hábitos alimentares, uma melhoria na produção e uma redução do desperdício.
Alimentar os 10 mil milhões de pessoas do planeta em 2050 só […]