Medida excecional e temporária – aves, leite de pequenos ruminantes, suínos e vinho certificado – 2.ª fase

Medida excecional e temporária – aves, leite de pequenos ruminantes, suínos e vinho certificado – 2.ª fase

Para responder aos problemas de liquidez e de fluxos de tesouraria provocados pela atual pandemia do COVID-19, foi adotada uma medida excecional e temporária dirigida aos setores da produção de Aves, Ovos, Carne de Suíno e Leite de Pequenos Ruminantes, prevista no artigo 39.º-B do Regulamento (UE) n.º 1305/2013, do Parlamento Europeu e do Conselho, de 17 de dezembro, no âmbito do PDR2020.

Uma vez terminada a fase de candidaturas ao referido apoio e tendo sido apurado que alguns operadores dos setores previstos não tiveram oportunidade de aceder à medida por motivos essencialmente administrativos, foi estabelecido o regime de aplicação da nova medida excecional e temporária através da publicação da Portaria n.º 115-A/2021, de 28 de maio, que prevê igualmente a inclusão de outros setores de atividade que não foram abrangidos pela Portaria anterior e cuja candidatura decorrerá de 31 de maio de 2021 a 18 de junho de 2021.

Nesse sentido, foi concedida uma dotação orçamental global de 11,1 milhões de euros, repartida para os seguintes setores de produção:

  • Setor das aves
  • Setor da produção de leite de pequenos ruminantes
  • Setor da carne de suíno, no que respeita à produção de porcos de engorda das raças Bísara, Malhado de Alcobaça e Alentejano
  • Setor do vinho certificado

Para informação pormenorizada sobre o apoio, consulte a respetiva área no Portal do IFAP.

Para outros esclarecimentos, contacte o IFAP através do endereço de correio eletrónico [email protected], ou ainda pelos restantes canais de atendimento que tem atualmente ao seu dispor: Atendimento Eletrónico ou Atendimento Telefónico, através do 212 427 708.

O artigo foi publicado originalmente em IFAP.

Comente este artigo
Anterior Suinicultura: exportações aumentam 9,1% no 1º trimestre
Próximo Relação dos agricultores com fisco é “agridoce” ao implicar sempre pagamentos - CAP

Artigos relacionados

Comunicados

XI Congreso Internacional de Bioenergía

El sector energético deberá satisfacer una demanda de energía en aumento al tiempo que reduce sus emisiones de gases de efecto invernadero. […]

Notícias florestas

Menos 47% de incêndios e menos 38% de área ardida em 2020

Terminou dia 30 de setembro o período de maior empenhamento operacional dos meios do Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais (DECIR) para 2020, naquele que foi o terceiro […]

Últimas

1.º Encontro de Sistemas Agroflorestais de Sucessão – 15 de dezembro – Coimbra

O 1º Encontro de Sistemas Agroflorestais de Sucessão tem lugar na ESAC, no Auditório H1, no dia 15 de dezembro, em formato presencial e com difusão online. […]