Herbicidas para milho. UE renova aprovação da substância activa dimetenamida-P

A Comissão Europeia renovou a aprovação da substância activa dimetenamida-P. Um produto usado em herbicidas para a cultura do milho, mas considerado “muito tóxico para organismos aquáticos”. Os fitossanitários com dimetenamida-P são também utilizados para a cultura da batata, mandioca e soja, por exemplo.

Em 12 de Abril de 2018, a Autoridade Europeia para a Segurança dos Alimentos transmitiu à Comissão as suas conclusões quanto à possibilidade de a dimetenamida-P cumprir os critérios de aprovação.

Em 24 de Janeiro de 2019, a Comissão apresentou ao Comité Permanente dos Vegetais, Animais e Alimentos para Consumo Humano e Animal um projecto de relatório de renovação da dimetenamida-P e a proposta de regulamento respeitante a esta substância.

O Regulamento

Pode consultar o Regulamento de Execução 2019/1137 da Comissão, de 3 de Julho de 2019, aqui.

Agricultura e Mar Actual

Comente este artigo

O artigo foi publicado originalmente em Agricultura e Mar.

Anterior A UE e os incêndios florestais
Próximo Ordem dos Engenheiros debate falta de água no Tejo

Artigos relacionados

Últimas

Roteiro para a Neutralidade Carbónica publicado hoje em Diário da República

[Fonte: O Jornal Económico]

O Conselho de Ministros aprovou, no mês passado, roteiro para Portugal ser carbonicamente neutro em 2050. […]

Nacional

Corteva Agriscience™ reforça compromisso com o mercado português na Feira Nacional de Agricultura´19

Corteva Agriscience™ que recentemente concluiu a sua separação da DowDuPont para formar uma sociedade puramente agrícola líder, independente e global esteve presente enquanto main sponsor na Feira Nacional de Agricultura (FNA´19), […]

Últimas

Aspoc e Arhesp dinamizam acções de formação profissional na restauração e talhos

A ASPOC – Associação Portuguesa de Cunicultura e a AHRESP – Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal, no âmbito da  […]