Governo vai pagar a proprietários para arrancarem eucaliptos

Governo vai pagar a proprietários para arrancarem eucaliptos

[Fonte: Público]

Primeira fase do Programa de Remuneração dos Serviços de Ecossistemas em Espaços Rurais avança segunda-feira nas áreas piloto da Serra do Açor e do Parque Natural do Tejo Internacional, duas áreas que a tutela considera paradigmáticas dos problemas que a floresta enfrenta em Portugal.

Mesmo na recta final da legislatura, o Governo vai assinalar com 3,7 milhões de euros a forma como quer promover uma alteração estrutural na ocupação e gestão dos espaços rurais, incluindo áreas florestais. Reconhecendo que esta transformação não será possível sem investimento público, o Fundo Ambiental vai financiar os produtores florestais que arranquem os eucaliptos de baixa produção em 500 hectares do Parque Nacional do Tejo Internacional e avancem para uma reflorestação com espécies autóctones, nomeadamente montado de sobro e azinheira. Da mesma forma, e dentro do mesmo instrumento, vai apoiar a recuperação de uma parte da área florestal ardida em 2017 na Serra do Açor, promovendo uma reorganização da propriedade e uma gestão mais profissional da floresta.

Comente este artigo

O artigo Governo vai pagar a proprietários para arrancarem eucaliptos foi publicado originalmente em Público.

Anterior A política florestal explicada em futebolês - Paulo Pimenta de Castro
Próximo “A transformação de solos que é necessária não se faz sem investimento”

Artigos relacionados

Sugeridas

Proprietários e Beneficiários do Alqueva vão ter associação

A APBA – Associação de Proprietários e Beneficiários do Alqueva, é formalmente apresentada no próximo dia 11 de outubro, pelas 18 horas, no auditório da EDIA, em Beja.
De acordo com a informação avançada pela EDIA, a APBA, surge na sequência da série de sessões abertas que esta promoveu há […]

Nacional

PAN quer acabar com apoios públicos à produção de carne e leite

[Fonte: O Jornal Económico]

O partido dirigido por André Silva quer que as empresas passem a apresentar soluções concretas para os desafios ambientais e contribuam para a redução da pegada ecológica.

O partido Pessoas-Animais-Natureza (PAN) tem previsto no programa eleitoral, apresentado esta sexta-feira, […]

Últimas

EDIA junta-se ao projecto “km.0” para divulgação junto dos seus clientes

[Fonte: Agricultura e Mar]
A EDIA — Empresa de Desenvolvimento e Infra-Estruturas do Alqueva acaba de se juntar ao projecto “Km.0” – Quilómetro Zero. Uma iniciativa promovida pela Universidade de Évora que juntou um conjunto de parceiros para a dinamização da produção local de produtos agro-alimentares, […]