Fungicidas com imazalil proibidos na pós-colheita em maçã, pêra e banana

Os fungicidas com a substância activa imazalil são utilizados principalmente na pós-colheita de citrinos. Mas também noutras culturas. A Comissão Europeia identificou usos que podem conduzir a risco para o consumidor e decidiu proibir a utilização de fitofármacos com aquela substância em tratamentos pós-colheita em maçã, pêra e banana.

Fica ainda proibido o uso de fungicidas com imazalil em tratamentos em aplicação por imersão (“dip”) ou chuveiro (“drencher”) em laranja, toranja (incluindo pomelo) e tangerinas (incluindo clementinas).

Mantém-se as restantes práticas agrícolas presentemente autorizadas para os citrinos, como seja a pulverização a baixo volume ou “waxing”, desde que a dose de aplicação não ultrapasse 300g de s.a./hL, equivalente a 3g de s.a./tonelada.

Regras aplicam-se a partir de 16 de Abril de 2020

as novas regras entram em vigor no dia 15 de Outubro de 2019, aplicando-se a partir de 16 de Abril de 2020.

Segundo o Ofício Circular n.º 26/2019 da DGAV – Direcção Geral de Alimentação e Veterinária, que as novas restrições “serão introduzidas, assim que possível, nos rótulos dos produtos fitofarmacêuticos, sendo oportunamente publicadas no sítio de Internet da DGAV”.

Os novos Limites Máximos de Resíduos do imazalil aplicar-se-ão a partir de 16 de Abril de 2020, pelo que o cancelamento e as alterações às práticas agrícolas indicadas são aplicáveis a partir de 15 de Outubro de 2019.

Agricultura e Mar Actual

O artigo foi publicado originalmente em Agricultura e Mar.

Comente este artigo
Anterior Xylella já está presente em trinta municípios espanhóis e afeta três novas espécies
Próximo Exportações de carne de bovino da UE para a Coreia retomadas ao fim de quase 20 anos

Artigos relacionados

Últimas

Debate online: “Floresta e Incêndios: Por outras políticas agro-florestais!” – 7 de agosto

A CNA – Confederação Nacional da Agricultura promove no dia 7 de Agosto (sexta-feira), às 15 horas, mais um debate online, desta vez com o tema “Floresta e Incêndios: Por outras políticas […]

Últimas

Fiscalização aos furtos de abacate e alfarroba aperta no Algarve

Mais fiscalização, incluindo da parte da autoridade tributária, novas “regras de conduta” e um controlo mais apertado aos vendedores […]

Últimas

Produto de origem natural para controlo das infestantes Katoun Gold, uma alternativa ao glifosato para espaços verdes.

KATOUN GOLD um herbicida de origem natural, uma alternativa ao uso do glifosato, para a gestão do coberto vegetal nas áreas urbanas e vias de comunicação, […]