Dia Mundial das Zonas Húmidas – 2 Fevereiro 2018 – Coimbra

Dia Mundial das Zonas Húmidas – 2 Fevereiro 2018 – Coimbra

O Centro de Ecologia Funcional (CFE) da Universidade de Coimbra (UC) e a Associação Portuguesa de Herpetologia, com o apoio da Cátedra UNESCO em Biodiversidade e Conservação para o Desenvolvimento Sustentável, associam-se à comemoração do Dia Mundial das Zonas Húmidas, que se assinala a 2 de fevereiro, através da realização de várias iniciativas, entre as quais visitas de campo e ações de voluntariado.

O Dia Mundial das Zonas Húmidas evoca a criação, em 1971, da Convenção de Ramsar relativa à conservação e ao uso sustentável das zonas húmidas.

Em 2018 o tema mundial para este dia é “Zonas húmidas para um futuro urbano sustentável”, relembrando a sociedade que a conservação das zonas húmidas não é uma preocupação apenas dos ambientalistas ou de quem vive na natureza, mas sim uma preocupação de todos nós (mesmo da população mais urbana), que dependemos diariamente dos serviços ambientais que estas zonas nos prestam.

«Em Portugal, o ano de 2017 foi o mais seco dos últimos 87 anos. Segundo os cenários previstos de alterações climáticas, poderá agravar-se a seca na região mediterrânica nas próximas décadas. É urgente divulgar o papel fulcral que as zonas húmidas têm nos nossos ecossistemas e na nossa qualidade de vida», sublinham os responsáveis do Centro de Ecologia Funcional da UC e da Associação Portuguesa de Herpetologia.

Comente este artigo
Anterior Valorfito: sector agrícola esteve reunido para debater nova licença e desafios para 2018
Próximo Ministro da Agricultura atribui, a título póstumo, Medalha de Honra a Maria Antónia Figueiredo

Artigos relacionados

Nacional

CNA: Foi uma “precipitação do Reitor”. Interdição da carne de vaca nas cantinas da Universidade de Coimbra é “posição demagógica e errada”

A direcção da CNA — Confederação Nacional da Agricultura diz que a decisão do Reitor da Universidade de Coimbra de proibir a carne de vaca nas cantinas escolares foi “uma precipitação” […]

Últimas

10 mil pipas de reserva qualitativa, menos 8 milhões no bolso dos viticultores

Produção da vindima definida quinta-feira, no IVDP, mas deverá situar-se em torno das 90 mil pipas. Com a reserva fica ainda 8 mil abaixo de 2019. […]

Últimas

Ponte de Sôr recebe workshop sobre Prevenção da Fitóftora no Montado e Viveiros – 25 de novembro

A Aflosor – Associação de Produtores Agro-Florestais da Região de Ponte de Sôr organiza, no próximo dia 25 de Novembro, um workshop sobre “Prevenção da Fitóftora no Montado e Viveiros”, […]