Caso das golas. Inquérito da IGAI quase concluído

A Inspeção-Geral da Administração Interna (IGAI) revelou ao Expresso que está prestes a concluir a investigação ao caso das golas anti-fumo. “O referido inquérito, ao qual foi conferida natureza urgente, corre os inerentes termos legais, encontrando-se em fase de conclusão.”

No final de junho, o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, mandou abrir um inquérito urgente sobre contratação de material de sensibilização para incêndios florestais, após as notícias sobre as golas antifumo com material inflamável que foram distribuídas no âmbito do programa “Aldeias Seguras”. No dia anterior o MAI tinha desvalorizado as notícias do “Jornal de Notícias” que deram origem ao caso.

A investigação da PJ e do DCIAP já fez dois arguidos: o general Mourato Nunes, o presidente da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) e Artur Neves, secretário de Estado da Proteção Civil, que já se demitiu na sequência das buscas no Ministério da Administração Interna e na secretaria de Estado da Proteção Civil. Corrupção, participação económica em negócio e fraude na obtenção de subsídio são os três crimes sob investigação.

Para já, o general Mourato Nunes mantém-se na presidência da ANEPC.

Comente este artigo

O artigo foi publicado originalmente em Expresso.

Anterior Cotações – Bovinos – Informação Semanal – 9 a 15 Setembro 2019
Próximo 12.750 euros em ações da Sonae separam Elisa Ferreira da Comissão. Futura comissária vai vender os títulos

Artigos relacionados

Nacional

Portugal pede ajuda a Bruxelas no combate aos incêndios

[Fonte: O Jornal Económico]

Recorde-se que relativamente a 2017, um dos piores anos de sempre de fogos florestais em Portugal, […]

Últimas

MAR 2020: é melhor tarde do que nunca – Editorial de Teresa Silveira + Suplemento AgroVida

Não sei se foi por magia ou seria maldição, dei por mim, não a rodopiar, como na canção dos Trovante, mas a aplaudir o ato político da ministra do Mar […]

Nacional

Todolivo obtém variedades de azeitona muito rentáveis em gordura

Este ano lança a variedade I-15: obteve mais 4,4 pontos de rendimento gordo que a Arbosana.
A Todolivo culmina um programa inovador de melhoramento genético, […]