Aumento do preço do leite aos produtores vai custar 20 milhões por ano

Aumento do preço do leite aos produtores vai custar 20 milhões por ano

Os produtores viraram-se contra a grande distribuição, mas foi a indústria de lacticínios que deu a cara. A Lactogal aumentou em 1,5 cêntimos/litro o preço do leite comprado à Agros, Proleite e Lacticoop.

Em Agosto de 2018, a Aprolep – Associação dos Produtores de Leite de Portugal virava-se contra a Lactogal, mobilizando os produtores para uma manifestação junto à sede da empresa, no Porto. Lamentava “mais uma descida [um cêntimo] do preço do leite”, depois de o maior operador português do sector lácteo, “em 2017, ano difícil para a produção, ter arrecadado cerca de 44 milhões de euros de lucro”. E acusava a companhia de “falta de estratégia, exigindo “mudanças na liderança”.  […]

Continue a ler este artigo no Público.

Comente este artigo
Anterior Single case of classical BSE confirmed on a farm in Somerset
Próximo Multinacional de óleo de palma arrasa florestas, polui águas e viola direitos na Libéria

Artigos relacionados

Últimas

Sou agricultor – Filipe Sevinate Pinto

Em Resposta ao programa da RTP Linha da Frente “A invasão da Agricultura insustentável” […]

Dossiers

Oferta de emprego – Diretor de Produção – Engenheiro Agrónomo ou Florestal – Amarante

Diaplant – Empresa produtora de plantas ornamentais de grande porte, para exterior, e construção de espaços verdes, pretende contratar um director […]

LIVE

Live-stream: Congresso Nacional da Rega e Drenagem 2020 – Dia 3

Veja ou reveja o terceiro dia do CNRD 2020, desta vez em versão digital […]