António Ventura defende transporte de carga aérea entre os Açores, a Madeira e o Continente

António Ventura defende transporte de carga aérea entre os Açores, a Madeira e o Continente

[Fonte: Açoriano Oriental]

No âmbito da visita da Comissão de Agricultura e Mar (CAM), da Assembleia da República, à Madeira, António Ventura, deputado do PSD/Açores defendeu “a existência de um transporte aéreo entre os Açores, a Madeira e o Continente de forma regular”.

No encontro que a Comissão teve com o secretário regional da Agricultura da Madeira, o deputado eleito pelos Açores referiu que “existe muita complementaridade agroalimentar entre as duas regiões que não está a ser potencializada, como seja os lacticínios, o vinho e as frutícolas”, disse citado em comunicado.

António Ventura deu como exemplo o caso da produção de leite nos Açores “onde se produz quatro vezes mais do que se consome, enquanto a Madeira é deficitária”.

Segundo o deputado, “a produção de leite nos Açores representa cerca 33% do todo nacional e na Madeira apenas 0,1%”.

Por sua vez o secretário regional da Agricultura da Madeira, José Vasconcelos, indo ao encontro do parlamentar mencionou a necessidade da existência de um apoio do Governo da República a um avião cargueiro que pudesse circular entre as duas regiões e o continente.

António Ventura é da opinião que “as duas regiões devem reivindicar, enquanto Regiões Ultraperiféricas, um POSEI inter-regional de apoio ao transporte, virado para a complementaridade de produções tradicionais agroalimentares”.

António Ventura considera que “o Governo da República deve criar um quadro regulamentar de apoios direcionado para um transporte aéreo de carga entre as duas regiões e o continente”.

Neste sentido, o parlamentar pretende “aferir a sensibilidade do Governo para esta matéria, nas próximas audições parlamentares dos Ministros, ponderando uma iniciativa que materialize esta intenção”.

Comente este artigo

O artigo António Ventura defende transporte de carga aérea entre os Açores, a Madeira e o Continente foi publicado originalmente em Açoriano Oriental.

Anterior Ausência de agricultura é a principal causa de incêndios
Próximo Jungheinrich nomeada para três IFOY Awards 2019

Artigos relacionados

Últimas

Governo alarga prazo de candidaturas ao Pedido Único

[Fonte: Vida Rural]

O Governo decidiu prorrogar o prazo de submissão das candidaturas ao Pedido Único para o próximo dia 6 de maio. […]

Dossiers

Grupo Auto-industrial líder no mercado de tractores em 2017

Em 2017, o Grupo Auto-Industrial matriculou 1.378 tractores novos em Portugal, o que lhe permitiu assegurar a liderança no mercado nacional como o principal importador a operar neste mercado.