A agricultura junta-se à cozinha num autocarro criado por estudantes da Universidade do Minho

A agricultura junta-se à cozinha num autocarro criado por estudantes da Universidade do Minho

Com um piso superior reservado para uma horta e um inferior para uma cozinha/restaurante e um mercado, o projecto criado por estudantes da Universidade do Minho pretende dar “mais visibilidade” a produtores locais e melhorar os hábitos alimentares da população.

Cinco estudantes da Universidade do Minho (UMinho) conceberam um autocarro que junta cozinha, horta e mercado, um projecto de sustentabilidade alimentar que já mereceu o “interesse” de alguns municípios, foi anunciado esta segunda-feira, 5 de Abril.

Em comunicado, a UMinho sublinha que o objectivo daquele projecto itinerante é “dar mais visibilidade” a produtores locais. “A ideia consiste num food truck (autocarro) com o piso superior para uma horta hidropónica (cultivo sem solo) e o piso inferior para uma cozinha/restaurante e uma banca de frutas e legumes”, explica.

Conceito inicial do projecto e banner FLOREO

Associa ainda uma plataforma online que permite

Continue a ler este artigo no Público.

Comente este artigo
Anterior Madeira: Mais cursos em empreendedorismo agrícola
Próximo Cotações - Fruticultura - 22 a 28 de março 2021

Artigos relacionados

Dossiers

Candidaturas ao Pedido Único 2021 – Novo prazo

Tendo em consideração o contexto de pandemia em que decorre o período de candidaturas ao Pedido Único das Ajudas (PU) da Campanha 2021, bem como a necessidade de garantir a […]

Notícias florestas

Incêndios. Ano de 2020 com segundo valor mais baixo dos últimos dez anos

Comparando os valores do ano de 2020 com o histórico dos dez anos anteriores, registaram-se menos 54% de incêndios rurais e menos 54% de […]

Últimas

“Água não vai faltar aos agricultores, mas poderá vir a faltar mão de obra”

Em entrevista à RC, Gonçalo Morais Tristão, Presidente do Centro Operativo e de Tecnologia de Regadio (COTR), fala sobre a subida de nível da água na […]