2020 vai ser o Ano Internacional da Fitossanidade

2020 vai ser o Ano Internacional da Fitossanidade

[Fonte: ffl revista]

Por iniciativa conjunta da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) e do Secretariado do International Plant Protection Convention (IPPC), 2020 foi proclamado pela Assembleia Geral das Nações Unidas como Ano Internacional da Fitossanidade. A decisão foi tomada a 20 de Dezembro pela Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU).

Esta iniciativa, proposta em 2015 pela Finlândia, pretende «aumentar o reconhecimento, entre o público em geral e os decisores políticos, da importância de plantas saudáveis e da necessidade de as proteger, para se conseguir atingir os Objectivos do Desenvolvimento Sustentável», instituídos pela ONU. Segundo os promotores da iniciativa, as pragas e as doenças das plantas são responsáveis, a cada ano, pela perda de até cerca de 40% das culturas alimentares no Mundo.

O Ano Internacional da Fitossanidade também é considerado «uma iniciativa chave para destacar a importância da saúde das plantas para aumentar a segurança alimentar, proteger o ambiente e a biodiversidade e impulsionar o desenvolvimento económico». Pode consultar aqui um documento que explica em detalhe os objectivos e o contexto desta iniciativa.

Comente este artigo

O artigo 2020 vai ser o Ano Internacional da Fitossanidade foi publicado originalmente em ffl revista

Anterior Abonados 4.000 millones de ayudas directas de la PAC
Próximo Las fiestas navideñas ralentizan el mercado de cítricos

Artigos relacionados

Nacional

Video do discurso do Comissário de Agricultura Phil Hogan – Agri Innovation Summit’2017 – 12 de Outubro 2017 – Oeiras

No contexto da 1ª edição da Agri Innovation Summit’2017, o discurso de Phil Hogan , Comissário  Europeu da Agricultura e Desenvolvimento Rural.

Últimas

Desafios da produção alimentar nacional servem de mote ao #DiaMundialDaAlimentação

Comente este artigo
#wpdevar_comment_4 span,#wpdevar_comment_4 iframe{width:100% !important;} […]

Últimas

Planos Municipais contra incêndios de Pedrógão Grande e Castanheira de Pera estão desatualizados e não estão aprovados

As Câmaras de Pedrógão Grande e Castanheira de Pera não têm os Planos Municipais de defesa da floresta contra incêndios atualizados e aprovados. Esses planos são essenciais para definir a atuação dos meios no terreno em caso de incêncio.

Comente este artigo
#wpdevar_comment_5 span,#wpdevar_comment_5 iframe{width:100% !important;} […]