Tejo “parece um riacho”. Agricultores falam de um caudal “dramático”

Tejo “parece um riacho”. Agricultores falam de um caudal “dramático”

Os agricultores entre Abrantes e Constância dizem que os níveis do caudal do Tejo estão demasiado baixos e que as colheitas já refletem a falta de água. Pedem, por isso, uma nova barragem ou um sistema de reposição diária dos níveis.

Há dez anos que não se via nada assim. Os agricultores entre Abrantes e Constância afirmam que o caudal do rio Tejo está em níveis muito baixos, afetando muitos produtores.

Em declarações à TSF, Luís Damas, presidente da Associação de Agricultores de Abrantes, Constância, Sardoal e Mação, fala numa situação “dramática”, e que se tem agravado cada vez mais. “Há um mês e meio que andam sem água no Tejo”, precisa, falando num caudal que se reflete em níveis de 40%, em Alcântara.

“Nunca esteve assim nem na média dos últimos dez anos nesta altura. […]

Continue a ler este artigo na TSF.

Comente este artigo
Anterior How bread and cereals prices vary across the EU
Próximo Boletim Mensal da Agricultura e Pescas - Agosto de 2021

Artigos relacionados

Eventos

Sessão de esclarecimento sobre redes antigranizo – 14 de julho – Vila Flor

O Auditório Municipal de Vila Flor, no concelho de Vila Flor (distrito de Bragança), acolhe, na tarde de 14 de Julho, a partir das 14h00, uma sessão de esclarecimento relativa à instalação […]

Últimas

Portugal Fresh adere ao Agroportal com a página de dossier “Mercados”

A Portugal Fresh – Associação para a Promoção das Frutas, Legumes e Flores de Portugal aderiu ao Agroportal. […]

Blogs

750 mil euros para projetos de conservação: candidaturas até 27 de julho

Organizações Não Governamentais de Ambiente, Associações de Municípios, Comunidades Intermunicipais e Instituições de Ensino […]