Produtores de Pera Rocha querem chegar  aos 100 milhões de euros de exportações em 2019

Produtores de Pera Rocha querem chegar  aos 100 milhões de euros de exportações em 2019

A ANP – Associação Nacional de Produtores de Pera Rocha vai marcar presença na Semana Verde de Berlim, entre 19 e 28 de janeiro. Esta é uma das mais importantes feiras internacionais dedicadas à alimentação e agricultura e junta, todos os anos, mais de 1600 empresas e organizações de todo o mundo.

A presença em Berlim pretende divulgar a Pera Rocha junto dos consumidores alemães e insere-se no Projeto de Promoção Global da Pera Rocha nos Mercados Externos, desenhado pela ANP para reforçar as exportações em cinco mercados considerados estratégicos (Alemanha, França, Reino Unido, Brasil e Espanha). O objetivo é valorizar este fruto português, aumentando a sua visibilidade fora do país.

Entre janeiro e novembro de 2017 as exportações de Pera Rocha ultrapassaram os 82,4 milhões de euros, um aumento de 19% em comparação com 2016. Com as ações de promoção e divulgação previstas, a ANP espera alcançar os 100 milhões de euros de exportações em 2019, o que equivale a um crescimento de 21% face ao valor atual das vendas internacionais deste fruto, único no mundo e apenas produzido em Portugal.

Brasil, Reino Unido, França, Alemanha e Marrocos são, por esta ordem, os principais destinos da Pera Rocha e absorveram 81% do valor das exportações entre janeiro e novembro de 2017. O mercado alemão em particular registou um crescimento de 90%, atingindo perto de 8,2 milhões de euros em exportações no mesmo período.

O Projeto de Promoção Global da Pera Rocha nos Mercados Externos da ANP é cofinanciado pelo Compete 2020, no âmbito do Programa Operacional Competitividade e Internacionalização. Prevê um investimento global de 430.902 euros, financiado em 85% pelo FEDER – Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional e inclui a realização de ações de promoção e comunicação.

Comente este artigo
Anterior CONFAGRI promove segurança dos agricultores - 18 de Janeiro 2018- S. João da Pesqueira
Próximo Curso de iniciação ao QGIS - 3 vagas - Palhais

Artigos relacionados

Sugeridas

Programa Antídoto Portugal. Maior vigilância com o envenenamento de animais selvagens

A Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) assinou um acordo de parceria com o Governo e diversas instituições e organismos nacionais com vista a implementar o Programa Antídoto Portugal, […]

Sugeridas

Marcelo espera “vastíssimo consenso nacional” sobre reforma florestal

“Aguardo com grande expectativa o conjunto de medidas legislativas que integram a chamada reforma das florestas”, diz o Presidente da República. […]

Comunicados

Reconhecimento da «Associação dos Produtores de Fumeiro da Terra Fria Barrosã» como entidade gestora das denominações

Gabinete do Secretário de Estado das Florestas e do Desenvolvimento Rural reconhece a «Associação dos Produtores de Fumeiro da Terra Fria Barrosã» como entidade gestora das denominações «Alheira de Barroso-Montalegre – IGP», «Chouriça de Carne de Barroso-Montalegre – IGP», «Chouriço de Abóbora de Barroso-Montalegre – IGP», […]