Presidente da Unac: “Há uma diabolização do eucalipto”

Presidente da Unac: “Há uma diabolização do eucalipto”

[Fonte: Jornal de Negócios]
António Gonçalves Ferreira diz que o eucalipto, se for usado de forma adequada, pode ser uma peça importante no futuro da floresta.
O presidente da União da Floresta Mediterrânica (UNAC), António Gonçalves Ferreira, considera que há uma “diabolização do eucalipto.
Na Conversa Capital, espaço de entrevista conjunto entre o Negócios e a Antena 1, António Gonçalves Ferreira acrescenta que a indústria e os produtores florestais estão preocupados por existir uma legislação “excessiva que impõe proibições “sem razoabilidade”.
“O eucalipto tem os seus problemas, obviamente, mas também tem muitas vantagens. E se for usado de um modo adequado é uma peça importante no que pode ser o futuro da floresta”, defende o líder da UNAC.
António Gonçalves Ferreira acrescenta que é preciso eliminar estereótipos. “Nós precisamos de ordenar, não de proibir. E o que tem acontecido depois dos trágicos incêndios é legislar de uma forma arrasadora, mas caminha-se pouco no sentido de um ordenamento sustentável. E depois é preciso desmistificar uma situação, que é, produção e conservação podem andar de mãos dadas”.
A entrevista ao presidente da UNAC pode ser lida, na íntegra, segunda-feira, 5 de Novembro, na versão premium do Negócios online e na edição impressa do jornal.

Comente este artigo
Anterior Agricultura: Governo apoia rebanhos para prevenir fogos
Próximo ACOS co-organiza I Congresso Luso-Espanhol de Pecuária Extensiva

About author

Artigos relacionados

Ofertas

Oferta de Emprego – Supervisores de Campo (M/F) – Ferreira do Alentejo

Herdade Vale da Rosa está a admitir pessoas dinâmicas e profissionais para a função de Supervisores de Campo.

Nacional

My Port Wine day – 10 Outubro – Porto

É já na terça, dia 10 de outubro, que o IVDP abre as suas portas a um fim de tarde especial com Vinho do Porto.
Nesta edição, as harmonizações a apresentar são:
– Quinta do Crasto LBV 2012 combina com queijo de azeitão DOP. […]

Últimas

Pedrógão Grande: Associação da Indústria Papeleira prevê aumento da escassez da madeira

Lisboa, 21 jun (Lusa) — A Associação da Indústria Papeleira (CELPA) afirmou hoje que a “escassez da madeira vai aumentar” e que haverá importação de mais matéria-prima, na sequência dos incêndios no Centro do país, que consumiram mais de 26 mil hectares de área florestal.

Comente este artigo
#wpdevar_comment_5 span,#wpdevar_comment_5 iframe{width:100% !important;} […]