Plan-a-Farm quer estimular produção e venda de produtos biológicos

Plan-a-Farm quer estimular produção e venda de produtos biológicos

A startup nacional, sediada no MARL, lançou uma Campanha de Produtos Biológicos em todo o País para angariar produtores e comerciantes, estimulando assim a produção nacional.

“Nos contactos que temos feito com clientes nacionais e estrangeiros apercebemo-nos que há cada vez mais procura por produtos de Agricultura Biológica, assim decidimos lançar esta campanha para podermos ir ao encontro de produtores, comerciantes e consumidores”,

explica Daniel Emídio, CEO e fundador da Plan-a-Farm.

No seu site, a empresa criou formulários específicos (campanha bio) onde cada agente pode descriminar o que produz, quer comercializar ou comprar, para poder avaliar o que se produz e o que os comerciantes e o mercado precisam, apostando sempre numa economia circular sustentável e de maior proximidade.

A Plan-a-Farm faz já a ligação entre vários agricultores nacionais e pontos de venda no nosso País, mas tem também ajudado os produtores a exportar para alguns países europeus, como Áustria, Lituânia e Holanda, entre outros.

A principal diferença desta jovem empresa – incubada na LouresINOVA, dedicada ao setor agroalimentar – é juntar num só sítio todos os profissionais do agronegócio que procuram ou fornecem: Produtos, Serviços, Oportunidades e Investimento. Criando uma comunidade onde se promove a cooperação, partilha de informação e boas práticas.

Desta forma, a empresa rentabiliza, para todos os intervenientes, tempo e dinheiro. Otimizando as encomendas e a logística, ao juntar, por exemplo, num mesmo transporte, várias encomendas e produtos provenientes de diferentes fornecedores.

Tudo para promover a produção nacional e criar valor no agronegócio!

biológico

plan a farm biológico

 

————————————-

Sobre a Plan-a-Farm

A Plan-a-Farm nasceu oficialmente este ano, mas o projeto já está em desenvolvimento há dois anos. O grande impulso foi dado no Natal de 2016 com a primeira exportação para a Áustria.

A empresa é a concretização do sonho de Daniel Emídio que já trabalha na área agrícola há seis anos colaborando em vários projetos nacionais e internacionais.

Comente este artigo
Anterior Projecto Restolho recebe donativo da Missão Continente
Próximo GP CDS-PP: Quadro Financeiro Plurianual e projetos-piloto de reflorestação do Pinhal Interior

Artigos relacionados

Últimas

ADVID leva Seminário Instrumentos de Adição de Valor para o Sector Vitivinícola à FNA 2019

[Fonte: Agricultura e Mar]
A ADVID — Associação para o Desenvolvimento da Viticultura Duriense, a ViniPortugal e o Instituto da Vinha e do Vinho, juntamente com a PORVID — Associação Portuguesa para a Diversidade da Videira levam o Seminário Instrumentos de Adição de Valor para o Sector Vitivinícola à FNA 2019 — Feira Nacional de Agricultura, […]

Sugeridas

Tribunal de Contas Europeu quer política agrícola a complementar coesão e ambiente

O Tribunal de Contas Europeu (TCE) quer que os objetivos da futura Política Agrícola Comum (PAC) complementem o desenvolvimento de outras vertentes comunitárias, como a coesão e o ambiente.
Num relatório divulgado esta segunda-feira sobre a proposta da Comissão Europeia para a PAC pós-2020, o TCE sugere que “os objetivos da PAC devem ser consistentes com os de outras políticas (incluindo as de coesão, […]

Comunicados

Kiwi – cientistas e empresários apontam o caminho para o crescimento sustentável da produção mundial

A produção e o consumo de kiwi está a aumentar a nível mundial e apresenta novos desafios a toda a cadeia de abastecimento, desde a genética das plantas ao marketing do produto. Especialistas internacionais do setor apontaram novos caminhos e apresentaram tecnologias inovadoras para o crescimento sustentável da produção de kiwi durante o IX Simpósio Internacional do Kiwi, […]