PDR2020: Primeiros contratos de financiamento assinados

PDR2020: Primeiros contratos de financiamento assinados

Os primeiros projetos aprovados pela A2S no passado mês de dezembro, no quadro do Programa de Desenvolvimento Rural do Continente (PDR2020), assinaram recentemente os contratos de financiamento com o IFAP, organismo responsável pelos pagamentos.

Os promotores dos projetos aprovados podem a partir de agora solicitar o reembolso das despesas aprovadas, permitindo que a região saloia seja a primeira, a nível nacional, a beneficiar dos apoios do PDR2020 para o Desenvolvimento Local de Base Comunitária.

Recorde-se que foram aprovadas 8 candidaturas: 4 relativas a pequenos investimentos nas explorações agrícola e 4 relacionadas com investimentos na transformação e comercialização de produtos agrícolas.

O investimento total ascende a 650 mil euros e conta com um financiamento a fundo perdido na ordem dos 180 mil euros, destinado sobretudo a apoiar a instalação de estufas para a produção de hortofrutícolas, instalação de pomares e ampliação e modernização de queijarias.

As listagens das candidaturas aprovadas estão disponíveis no site da A2S em http://www.a2s.pt/lista-de-projetos-aprovados/

+ info em www.a2s.pt ou através do número 261 025 007

 

Comente este artigo
Anterior Instalação e Produção de Bagas de Goji - 1 de Abril – Baião
Próximo Boas Práticas na Gestão dos Eucaliptais

Artigos relacionados

Comunicados

i-Danha Food Lab Annual Event

Lisbon, 22nd November 2018
Three years ago, Idanha-a-Nova Municipality challenged BGI to enter on a unique adventure, to create, in the oldest Roman village in Portugal, […]

Últimas

Agricultores do Baixo Alentejo querem regantes precários incluídos na área beneficiada de Alqueva

A direcção da FAABA – Federação das Associações de Agricultores do Baixo Alentejo diz que estão em causa vários investimentos realizados pelos regantes precários da região de Alqueva. […]

Nacional

Moradores receiam químicos no olival perto de casas em Estremoz mas promotores afastam risco

As preocupações e os receios dos moradores na zona do Baldio da Eira, em Veiros, no concelho de Estremoz, que se estendem também aos possíveis impactos ambientais, […]