Os vencedores do Prémio Floresta e Sustentabilidade são…

Os vencedores do Prémio Floresta e Sustentabilidade são…

Abastena, Herdade da Sanguinheira de Codes, Associação para a Certificação Florestal do Minho-Lima e INIAV são os grandes vencedores do Prémio Floresta e Sustentabilidade

Vencedores anunciados hoje na Fundação Calouste Gulbenkian. Foram ainda atribuídas duas menções honrosas.

O Prémio Floresta e Sustentabilidade anunciou os seus vencedores: uma sociedade, uma associação, um instituto público e uma entidade privada.

Houve ainda lugar para duas menções honrosas nas categorias de Boas Práticas de Silvicultura e Associativismo, respectivamente à Unimadeiras e à Associação de Produtores Florestais do Concelho de Coruche e Limítrofes.
Segue-se a lista completa de vencedores:

  • Associativismo:

Vencedor: Abastena
Menção Honrosa: Associação de Produtores Florestais do Concelho de Coruche e Limítrofes

  • Sustentabilidade Florestal:

Vencedor: Associação para a Certificação Florestal do Minho-Lima

  • Projetos de I&D:

Vencedor: INIAV  – Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária

 

  • Boas Práticas de Silvicultura:

Vencedor: Herdade da Sanguinheira de Codes
Menção Honrosa: Unimadeiras

Os vencedores foram escolhidos pelo júri do Prémio Floresta e Sustentabilidade – 17 personalidades de renome de diversas entidades relacionadas com a floresta, a agricultura, o ambiente e a economia – numa reunião no dia 20 de Janeiro de 2017, tendo como base uma análise estatística elaborada pela consultora PwC às 75 candidaturas.
Entre os números apresentados pela PwC, será de destacar o facto da região Centro ter dominado nas candidaturas.
Carlos Amaral Vieira, membro do júri e director geral da CELPA – Associação da Indústria Papeleira, promotora do Prémio Floresta e Sustentabilidade, destacou a “qualidade das candidaturas”.
O Prémio Floresta e Sustentabilidade é um prémio inovador e único na sua área, aberto a todas as fileiras e espécies florestais.
O Prémio Floresta e Sustentabilidade é bienal, regressando agora em 2018.
Promovido pela CELPA – Associação da Indústria Papeleira, o Prémio Floresta e Sustentabilidade teve como parceiros o Correio da Manhã e o Jornal de Negócios, o apoio técnico da PwC e o patrocínio do Ministério da Agricultura.

Vídeos sobre os vencedores: https://we.tl/QRXLneXaR0
Mais informações em www.premiofloresta.cmjornal.xl.pt

Comente este artigo
Anterior Trade Focus: Crop futures feel macro-economic chill
Próximo Abertas candidaturas para a 4.ª edição do "Prémio Empreendedorismo e Inovação Crédito Agrícola"

Artigos relacionados

Comunicados

Congresso nacional do milho reúne em Lisboa cerca de 500 participantes para debater a reforma da PAC pós-2020

O XI Congresso Nacional do Milho, que decorre a 7 e 8 de Fevereiro, no Hotel Altis, em Lisboa, será um palco privilegiado para debater a Política Agrícola Comum (PAC) após 2020. Especialistas, próximos do processo de decisão política, vão revelar quais as grandes linhas da próxima reforma e de que modo afetará a agricultura europeia. […]

Sugeridas

Estudantes da UC reinventam o consumo de leguminosas

Aumentar o leque de alternativas ao consumo de proteína animal no mercado foi o objetivo que levou quatro estudantes da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC) a desenvolver o inovador “Legutê” – leguminosas em patê. […]

Comunicados

«O Impacto Das Políticas Europeias No Mundo Rural Português» – Debate Com Os Candidatos ao Parlamento Europeu, 3 de abril, 16H0

[Fonte: CAP]

Confirmados
os participantes:

PS – André Bradford

PSD – José Manuel Fernandes

PCP – João Pimenta Lopes

CDS-PP – Nuno Melo

BE – Marisa Matias

3 de abril | Bruxelas | Press Club

16H00
às 17H30 (hora de Portugal continental)

Transmissão em direto para 19 locais do país

18
distritos de Portugal Continental e S. […]