Os vencedores do Prémio Floresta e Sustentabilidade são…

Os vencedores do Prémio Floresta e Sustentabilidade são…

Abastena, Herdade da Sanguinheira de Codes, Associação para a Certificação Florestal do Minho-Lima e INIAV são os grandes vencedores do Prémio Floresta e Sustentabilidade

Vencedores anunciados hoje na Fundação Calouste Gulbenkian. Foram ainda atribuídas duas menções honrosas.

O Prémio Floresta e Sustentabilidade anunciou os seus vencedores: uma sociedade, uma associação, um instituto público e uma entidade privada.

Houve ainda lugar para duas menções honrosas nas categorias de Boas Práticas de Silvicultura e Associativismo, respectivamente à Unimadeiras e à Associação de Produtores Florestais do Concelho de Coruche e Limítrofes.
Segue-se a lista completa de vencedores:

  • Associativismo:

Vencedor: Abastena
Menção Honrosa: Associação de Produtores Florestais do Concelho de Coruche e Limítrofes

  • Sustentabilidade Florestal:

Vencedor: Associação para a Certificação Florestal do Minho-Lima

  • Projetos de I&D:

Vencedor: INIAV  – Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária

 

  • Boas Práticas de Silvicultura:

Vencedor: Herdade da Sanguinheira de Codes
Menção Honrosa: Unimadeiras

Os vencedores foram escolhidos pelo júri do Prémio Floresta e Sustentabilidade – 17 personalidades de renome de diversas entidades relacionadas com a floresta, a agricultura, o ambiente e a economia – numa reunião no dia 20 de Janeiro de 2017, tendo como base uma análise estatística elaborada pela consultora PwC às 75 candidaturas.
Entre os números apresentados pela PwC, será de destacar o facto da região Centro ter dominado nas candidaturas.
Carlos Amaral Vieira, membro do júri e director geral da CELPA – Associação da Indústria Papeleira, promotora do Prémio Floresta e Sustentabilidade, destacou a “qualidade das candidaturas”.
O Prémio Floresta e Sustentabilidade é um prémio inovador e único na sua área, aberto a todas as fileiras e espécies florestais.
O Prémio Floresta e Sustentabilidade é bienal, regressando agora em 2018.
Promovido pela CELPA – Associação da Indústria Papeleira, o Prémio Floresta e Sustentabilidade teve como parceiros o Correio da Manhã e o Jornal de Negócios, o apoio técnico da PwC e o patrocínio do Ministério da Agricultura.

Vídeos sobre os vencedores: https://we.tl/QRXLneXaR0
Mais informações em www.premiofloresta.cmjornal.xl.pt

Comente este artigo
Anterior Trade Focus: Crop futures feel macro-economic chill
Próximo Abertas candidaturas para a 4.ª edição do "Prémio Empreendedorismo e Inovação Crédito Agrícola"

Artigos relacionados

Sugeridas

Pagamentos Junho 2017

No dia 30 de junho de 2017, conforme procedimento habitual, o IFAP irá proceder a pagamentos* num montante total de cerca de 75,1 milhões de euros, destacando-se os seguintes:

Comunicados

CDS quer saber se está a ser aplicado algum plano de contenção relativo à Xylella fastidiosa

[Fonte: CDS]
Os deputados do CDS-PP Patrícia Fonseca, Ilda Araújo Novo e Hélder Amaral questionaram o Ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural na sequência da identificação de plantas portadoras de Xylella fastidiosa em Vila Nova de Gaia.
Na pergunta enviada à tutela, […]

Comunicados

Feijoada vegetariana pronta-a-comer vencedora do prémio Ecotrophelia Portugal 2018

Bean Ready, uma feijoada vegetariana pronta-a-comer com produtos tradicionais portugueses, venceu a competição nacional de eco-inovação alimentar e vai representar Portugal na competição europeia do prémio ECOTROPHELIA, na feira SIAL Paris.
Foram ontem revelados os vencedores da Competição Nacional do Prémio ECOTROPHELIA Portugal, que decorreu no Centro de Congressos da Alfândega do Porto, […]