OGM | China prepara-se para aprovar produção de soja e milho GM

OGM | China prepara-se para aprovar produção de soja e milho GM

A China abriu consulta pública para aprovar como seguras duas novas variedades geneticamente modificadas, uma de soja e outra de milho. O anuncio foi feito ontem pelo Ministério da Agricultura e Assuntos Rurais chinês e a consulta prolonga-se até 1 de fevereiro.

O Ministério da Agricultura e Assuntos Rurais da China anunciou ontem que lançou uma consulta pública, até dia 1 de fevereiro, para aprovar a segurança de uma variedade geneticamente modificada de soja (DBN9004), tolerante ao glifosato e já considerada segura na Argentina, e de milho (DBN9501), resistente à praga da lagarta-do-cartucho.

De acordo com uma notícia da agência Reuters, a decisão do governo de Pequim ocorre depois de no ano passado, pela primeira vez em dez anos, a China ter aprovado a segurança de três variedades geneticamente modificadas (GM) desenvolvidas no País.

Embora várias outras medidas devam ser tomadas antes de os agricultores chineses poderem semear estas novas variedades de soja e de milho, a aprovação é considerada oportuna, dado o crescente défice de milho num País que se tem posicionado nos mercados como o maior produtor de grãos do mundo, o maior importador de soja e um grande comprador de milho.

De salientar que o governo de Pequim não permitia a plantação de variedades de soja e milho GM, no entanto, à semelhança do que faz a União Europeia, autorizava a sua importação para uso na alimentação animal.

Além da consulta pública, o governo chinês anunciou também que aprovou duas novas variedades de milho GM para importação, uma da Syngenta (MZIR098) e outra da Bayer (MON87411), desenvolvidas para conferir resistência a herbicidas e a insetos.

Mais informações na notícia da Reuters.

O artigo foi publicado originalmente em CiB - Centro de Informação de Biotecnologia.

Comente este artigo
Anterior PortugalFoods lança guias informativos para promover transição digital e ambiental das empresas agroalimentares portuguesas
Próximo Água para regadio e abastecimento à população é aposta de Vila Flor para 2021

Artigos relacionados

Notícias florestas

OE 2021: um pântano para as florestas – Paulo Pimenta de Castro

A falta de transparência da proposta do Governo para o Orçamento do Estado de 2021, no que respeita às florestas e à actividade silvícola, é gritante. Se muitos perdem com esta opacidade, […]

Notícias florestas

Parque de Natureza de Noudar – Certificado de Gestão Florestal Sustentável (PEFC)

Foi atribuído ao Parque de Natureza de Noudar, PNN, propriedade gerida pela EDIA, o certificado de Gestão Florestal Sustentável, permitindo que a partir de agora possa utilizar a marca e o selo “PEFC” em todos os seus produtos. […]

UE - Organizações

Green Deal & CAP: FE analysis of ComAgri report

1st December 2020
The Common Agricultural Policy (CAP) and the Green Deal (GD) are two of the main flagship European policies that define the current state of play of the institutions. […]