O futuro da uva de mesa assenta na inovação

O futuro da uva de mesa assenta na inovação

Com uma produção anual de aproximadamente 1 milhão de toneladas, com uma área de produção de 47.000 hectares, a Itália é o principal produtor de uva de mesa na Europa, seguida pela Grécia e Espanha. Neste contexto, a Cesena Fiera decidiu organizar um evento dedicado a este produto, com o objetivo de avaliar a situação atual num setor em constante mudança e com grande potencial.

O “Congresso Internacional sobre Uva de Mesa” ocorrerá por ocasião da 36ª edição da Macfrut (8 a 10 de maio de 2019), na sexta-feira, 10 de maio, no Rimini Expo Center. O foco da discussão será na inovação varietal, a começar pelos programas de desenvolvimento de Itália, incluindo as novas variedades internacionais atualmente produzidas na Itália, antes de passar a delinear as novas variedades que estão definidas para remodelar o mercado.

Em Itália, por exemplo, nas duas principais áreas de produção de uvas de mesa, Apúlia e Sicília, que cobrem 75% e 25% da superfície cultivada, respetivamente, a produção de uvas sem grainha, aumentou consideravelmente na última década.

O Congresso destina-se a produtores, compradores, técnicos e importadores, italianos e estrangeiros. A participação é gratuita e será simultaneamente traduzida para inglês.

O artigo foi publicado originalmente em Voz do Campo.

Comente este artigo
Anterior Quinta dos Açores traz gelados para Lisboa
Próximo Governo autoriza 1,3 milhões para balcão virtual do Portugal 2020

Artigos relacionados

Candidaturas e pagamentos

Açores abrem candidaturas ao VITIS com dotação de quatro milhões de euros

O secretário Regional da Agricultura e Florestas dos Açores anunciou que abre hoje, 11 de Novembro, o período de candidaturas ao regime de apoio à […]

Últimas

Observatório nacional da produção biológica pronto até Julho

O observatório nacional da produção biológica estará pronto até Julho com toda a informação sobre este sector, que recebe 19 milhões de euros de apoio, […]

Notícias meteorologia

Vento e risco de Incêndio.

Vento e risco de incêndio em subida nesta 4ª e 5ª feira.
Amanhã ao fim do dia uma frente fria deverá injectar uma massa de ar mais fresca, […]