“Não estamos no quadro de honra” quando falamos de conservação da Natureza, diz Filipe Duarte Santos

“Não estamos no quadro de honra” quando falamos de conservação da Natureza, diz Filipe Duarte Santos

Apesar de ser “um hotspot de biodiversidade”, Portugal “não tem sabido gerir essa riqueza, o que se reflete na perda de espécies e de habitats”. Adotar uma gestão ativa das áreas protegidas, adquirir terrenos de elevado valor a conservar e olhar para este património natural como “um museu vivo”, são alguns dos caminhos defendidos no relatório agora apresentado esta tarde Conselho Nacional do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável

“Portugal não tem sido um bom aluno no domínio da conservação da natureza. E não estamos no quadro de honra”, afirmou esta sexta-feira Filipe Duarte Santos, presidente do Conselho Nacional do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (CNADS). Fê-lo durante a apresentação pública do relatório “Reflexão sobre a Gestão Sustentável de Áreas Protegidas no quadro do Pacto Ecológico Europeu”, lembrando que “Portugal é um hotspot de biodiversidade, mas não tem sabido gerir essa riqueza, o que se reflete na perda de espécies e de habitats”.

Prova disso “é o facto de dois terços das espécies de que se conhece o estatuto em Portugal se encontrarem em estado inadequado ou mau”, sublinha o conselheiro João Joanaz de Melo, que coordenou o grupo de trabalho que elaborou este relatório e para o qual contou com dados oficiais e a consulta a mais de meia centena de entidades ao longo do último ano e meio. “Se queremos melhorar estes indicadores, temos de fazer muito mais, temos de fazer uma gestão ativa, que não existe, e de multiplicar por cinco as equipas dedicadas no terreno”, acrescenta o engenheiro do ambiente e dirigente do GEOTA.

O relatório lembra que a Estratégia Europeia de Biodiversidade 2030 tem como prioridades proteger legalmente pelo menos 30% da superfície terrestre e marinha da União Europeia, sendo que um terço das áreas protegidas (10%) devem ter uma proteção mais estrita dado o seu elevado valor ou

Continue a ler este artigo no Expresso.

Comente este artigo
Anterior Bolsa do Porco - Semana 20/2021 - Subida de 0,040 euros
Próximo 8ª edição do concurso Vinhos de Portugal decide esta sexta-feira os vencedores entre mais de 1.400 propostas

Artigos relacionados

Dossiers

Oferta de Emprego – Engenheiro Zootécnico – Évora

A ANCPA – Associação Nacional dos Criadores do Porco Alentejano, está a contratar Engenheiro Zootécnico ou formação similar.

Sugeridas

Incêndios: Aprovado arrendamento forçado de terras em “situações de inércia dos proprietários”

O Governo aprovou o regime jurídico do arrendamento forçado de prédios rústicos, no âmbito do Conselho de Ministros, na quinta-feira, determinando que o decreto-lei se aplica “nas situações […]

Sugeridas

DGAV, para que te quero? – João Niza Ribeiro

A desarticulação da DGAV seria um grave atentado às necessidades da economia da saúde pública nacional e viola os compromissos do Estado com a União Europeia e as regras internacionalmente […]