Montalegre reduz ninhos de vespa asiática em 75% com rede de armadilhas

Montalegre reduz ninhos de vespa asiática em 75% com rede de armadilhas

A rede de armadilhas levada a cabo pela Câmara Municipal de Montalegre, através do Gabinete Técnico Florestal (GTF), está a dar resultado. Há menos 75% de ninhos identificados da vespa velutina, também conhecida por asiática, no concelho.

O técnico que lidera este Plano Municipal de Combate à Vespa Velutina, José Luís Tavares, fala em “sucesso”. Ainda assim, a autarquia de Montalegre reforçou em 25% a rede de armadilhas.

Até final de Maio, com monitorizações quinzenais, toda a acção de trabalho deve estar concluída, garante fonte institucional da autarquia.

Para já, todos os interessados podem acompanhar o andamento dos trabalhos no mapa interactivo agora divulgado (aqui).

Plano Municipal de Combate à Vespa Velutina

Desde meados de Fevereiro que está em marcha, pelo segundo ano consecutivo, o Plano Municipal de Combate à Vespa Velutina. Uma aposta que a autarquia de Montalegre dá sequência depois do impacto positivo que obteve o ano passado.

No terreno está uma equipa, liderada pelo técnico José Luís Tavares, que conta palmilhar o concelho até final de Maio.

Mapa interactivo

Este ano, os dados podem ser acompanhados através de um mapa interactivo que exibe os resultados à medida que os trabalhos são efectuados.

“Um trunfo que alavanca esta aposta municipal para uma maior proximidade e rapidez com o grande público. Ainda em matéria de divulgação, as paróquias do concelho também foram informadas, sendo mais um canal informativo junto dos cidadãos”, realça a mesma fonte.

Agricultura e Mar Actual

O artigo foi publicado originalmente em Agricultura e Mar.

Comente este artigo
Anterior 10º Colóquio do Milho 2020 - Apresentações
Próximo Projeto agROBOfood disponibiliza 2,65 milhões de euros a PME

Artigos relacionados

Últimas

Batida à raposa na Figueira da Foz motiva queixa em tribunal por perseguição aos caçadores

Uma batida à raposa agendada para a freguesia de Quiaios, Figueira da Foz, levou um advogado ligado às causas do mundo rural a apresentar em […]

Nacional

PCP quer o ministro do Ambiente na AR a explicar o que já fez sobre os incêndios de 2017 e 2018

Governo não criou portal de informação e estão em atraso a revisão do Plano de Gestão Integrada de Fogos Rurais e os planos regionais de ordenamento florestal. […]

Eventos

Encontro de Cooperativas Olivícolas – 12 de Janeiro 2018 – Macedo de Cavaleiros

A Fenazeites – Federação Nacional das Cooperativas Agrícolas de Olivicultores, associada da CONFAGRI, realiza no próximo dia 12 de Janeiro, um encontro com as Cooperativas Olivícolas em Trás-os-Montes para discutir o futuro da PAC pós 2020 e suas implicações num setor que gera cerca de 30 milhões de euros/ano para a economia portuguesa. […]