Joaquim Cabeça: desafios para a alimentação e agricultura mundiais

Joaquim Cabeça: desafios para a alimentação e agricultura mundiais

[Fonte: Anipla]

A percepção sobre os desafios para a alimentação e agricultura mundiais, dentro e fora do sector.

Portugal é, no espaço europeu, o país que apresenta maior consumo per capita de arroz.

Esta semana falámos com Joaquim Cabeça, da Associação de Orizicultores de Portugal (AOP), Diretor de Serviços da Benagro e Diretor do Centro Operativo e Tecnológico do Arroz (CotArroz). Alentejano convicto, Joaquim Cabeça trabalhou desde sempre ao serviço da agricultura em Portugal.

Preocupado com a inibição da utilização dos produtos fitofarmacêuticos, o secretário da AOP constata “Não temos nenhum outro tipo de soluções”.

Perante este cenário, Joaquim Cabeça foi firme ao partilhar que “Se não houver possibilidade da utilização de produtos fitofarmacêuticos não é possível produzir arroz, e isso é uma certeza clara que a associação tem neste momento”.

Assista à entrevista aqui.

 

Comente este artigo
Anterior EU agriculture policy diary: the week ahead (June 12-16)
Próximo Los comerciantes de cereales prevén que la cosecha caiga un 30% por la sequía

Artigos relacionados

Sugeridas

Vitacress bate recorde de vendas em 2016 e fatura 25 milhões

[Fonte: Dinheiro Vivo – empresas]
A Vitacress Portugal, que produz e comercializa hortícolas, bateu em 2016 o recorde de vendas, faturando 25 milhões de euros, e espera neste ano um aumento entre os 5 e os 10%, disse o diretor geral da empresa. […]

Sugeridas

Produtores de leite obrigados a abandonar explorações – Vídeo

Agricultores admitem protesto e pedem ao governo que seja mediador com a indústria do setor.
Clique aquipara ver o vídeo.

Comente este artigo […]

Sugeridas

Agricultores preocupados com falta de água e seca extrema em Trás-os-Montes – Vídeo

[Fonte: Porto canal]
Os agricultores da região de Trás-os-Montes estão preocupados com a falta de água. Há quatro meses que não chove e muitos terrenos estão completamente secos.
Clique aquipara ver o vídeo.

Comente este artigo […]