InovMilho reuniu 250 participantes em Dia de Campo em Coruche

[Fonte: Agricultura e Mar]

O Dia de Campo InovMilho, realizado ontem, 4 de Setembro, na Estação Experimental António Teixeira, em Coruche, “demonstrou que o milho é uma cultura mobilizadora e com capacidade de inovação. Cerca de 250 pessoas participaram nesta montra tecnológica que é uma referência no panorama agrícola nacional”.

O InovMilho — Centro Nacional de Competências das Culturas do Milho e Sorgo apresentou a Agenda de Inovação para as Culturas do Milho e Sorgo, com um plano de acção a executar até 2025.

A Agenda define as prioridades dos produtores e da fileira em matéria de inovação, visando optimizar a eficiência da produção, a qualidade dos cereais e o uso dos recursos naturais (solo, água e biodiversidade).

Capoulas presente

O ministro da Agricultura, Luís Capoulas Santos, que participou na sessão de encerramento do Dia de Campo, destacou “o crescimento sustentado do Centro de Competências InovMilho ao longo destes quatro anos, no qual o Ministério da Agricultura orgulhosamente se insere, e que dará cada vez mais frutos, porque resulta da cooperação entre os produtores de milho e mais de 30 parceiros”.

Na visita aos ensaios de campo, as empresas e a comunidade científica e académica deram a conhecer técnicas e tecnologias inovadoras que potenciam a produtividade e a sustentabilidade da cultura do milho, entre as quais, o uso eficiente da água de rega através da agricultura de conservação, a utilização de bactérias do solo na promoção do crescimento do milho ou a conservação genética de variedades tradicionais de milho e sua importância face às alterações climáticas.

Centro de Competências para Adaptação às Alterações Climáticas no Sector Agroflorestal

Durante o Dia de Campo InovMilho foi revelado em primeira mão que será formalmente criado na próxima quarta-feira, no INIAV – Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária, em Elvas, o Centro de Competências para Adaptação às Alterações Climáticas no Sector Agroflorestal.

Na sequência de um repto lançado pelo ministro da Agricultura, mais de 50 entidades do sector agrícola, entre as quais a Anpromis — Associação dos Produtores de Milho e Sorgo de Portugal, mobilizaram-se para a constituição deste Centro de Competências que pretende dar resposta “ao grande desafio do presente e do futuro, que é o combate e a mitigação das consequências das alterações climáticas, para o qual todos temos de nos mobilizar, designadamente através da cooperação, da busca e da partilha do conhecimento”, afirmou Capoulas Santos.

Adaptação da agricultura às alterações climáticas

No contexto da adaptação da agricultura às alterações climáticas, o presidente da anpromis, Jorge Neves, defendeu que “o nosso País tem de prosseguir a defesa descomplexada do regadio” e o presidente da CAP — Confederação dos Agricultores de Portugal, Eduardo Oliveira e Sousa, afirmou que o sector agrícola “ambiciona um verdadeiro pacto de regime em torno do regadio e do aumento da capacidade de armazenamento de água, com a participação de todos os partidos políticos e da sociedade civil”.

InovMilho

O Centro Nacional de Competências das Culturas do Milho e Sorgo “InovMilho” foi constituído no dia 28 de Setembro de 2016, numa iniciativa que partiu da Anpromia, em colaboração com o INIAV (Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária) e a Câmara Municipal de Coruche.

O InovMilho está sediado na Estação Experimental António Teixeira (INIAV), em Coruche, e tem por objectivo constituir-se como um espaço de discussão, partilha e articulação de conhecimentos entre todos os agentes da fileira do milho e do sorgo, envolvendo no seu seio trinta e quatro entidades parceiras.

Agricultura e Mar Actual

Comente este artigo

O artigo InovMilho reuniu 250 participantes em Dia de Campo em Coruche foi publicado originalmente em Agricultura e Mar.

Anterior A evaporação de água nas barragens “é um problema complicado”?
Próximo PS, PSD e CDS rejeitam corte na política agrícola e querem manutenção do orçamento

Artigos relacionados

Nacional

Maputo passa a contar com novo espaço para conservação de hortícolas e vegetais


Maputo, 26 jan (Lusa) – Maputo vai passar a contar com mais um espaço para a conservação de hortícolas e vegetais, um empreendimento com 56 câmaras frigoríficas e capacidade para receber 16 mil toneladas de produtos, informou hoje o vice-ministro da Indústria e Comércio. […]

Nacional

Governo decreta serviços mínimos e declara preventivamente estado de emergência energética

[Fonte: SAPO 24]

Os serviços mínimos serão de 100% para abastecimento destinado à REPA – Rede de Emergência de Postos de Abastecimento, portos, aeroportos e aeródromos que sirvam de base a serviços prioritários.
O Governo decretou ainda serviços mínimos de 100% para abastecimento de combustíveis para instalações militares, […]

Últimas

Amazónia. Bolsonaro autoriza recurso às Forças Armadas para combater incêndios

[Fonte: SAPO 24]

O decreto autoriza o recurso às Forças Armadas para “ações preventivas e repressivas contra delitos ambientais”, bem como para “levantamento e combate a focos de incêndio”.
O documento acrescenta que será o ministro da Defesa a definir a “alocação dos meios disponíveis e os comandos que serão responsáveis pela operação”, […]