Incêndios. Suspeito de atear fogo florestal em Abrantes preso preventivamente

[Fonte: Expresso]

Em comunicado, a Procuradoria da Comarca de Santarém afirma que a medida de coação – a mais gravosa – foi aplicada na tarde de terça-feira, após o primeiro interrogatório do detido, dados os “perigos de continuação da atividade criminosa e de alteração da ordem e tranquilidade públicas”.

A procuradoria refere também os antecedentes de alcoolismo, “não resolvidos mesmo após tratamentos de desintoxicação e afetações comportamentais que tinham contribuído para a respetiva aposentação por incapacidade para o serviço público policial”.

O homem é suspeito de ter ateado o incêndio que ocorreu ao princípio da noite de sexta-feira próximo da zona onde reside com o pai, prosseguindo a investigação a cargo da PJ.

O inquérito reporta-se à secção especializada em criminalidade violenta do Departamento de Investigação e Ação Penal de Santarém.

Comente este artigo

O artigo Incêndios. Suspeito de atear fogo florestal em Abrantes preso preventivamente foi publicado originalmente em Expresso.

Anterior Indústria de curtumes lamenta impacto da eliminação da carne de vaca na Universidade de Coimbra
Próximo Golas antifumo: PGR confirma realização de 54 buscas e envolvimento de 200 elementos da PJ

Artigos relacionados

Últimas

Feira do Ambiente “Anadia + Verde” sensibiliza para a necessidade de alterar comportamentos

[Fonte: Gazeta Rural]

A 4ª Feira do Ambiente “Anadia + Verde” vai
ter lugar, […]

Últimas

Competição internacional para ideias ‘cleantech’ oferece 10 mil euros

[Fonte: O Jornal Económico]
A UPTEC – Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto e a LIPOR – […]

Últimas

“Os Verdes” alertam para “ameaça de destruição” de Reserva Ornitológica do Mindelo

[Fonte: Público]

O Partido Ecologista “Os Verdes” considera que existe uma “ameaça de destruição sobre a Reserva Ornitológica do Mindelo”, […]