Incêndios. Quercus lamenta baixa execução de Plano de Desenvolvimento Rural

Incêndios. Quercus lamenta baixa execução de Plano de Desenvolvimento Rural

A associação ambientalista Quercus apontou hoje a “baixa execução financeira” das medidas previstas no Plano de Desenvolvimento Rural (PDR) para proteger a floresta portuguesa de fogos como os que assolaram os distritos de Santarém e Castelo Branco.

A Quercus “solidariza-se com os cidadãos e as organizações que participaram no combate a estes incêndios” e apela às autoridades portuguesas para investirem mais na floresta.

A associação considera que os números “são esclarecedores e desapontantes”, como os 37% de investimento público nacional de execução no item de prevenção da floresta contra agentes bióticos e abióticos, incluindo incêndios e 22% na melhoria da resiliência e valor ambiental da floresta.

Na instalação de sistemas agroflorestais, registou-se “uma taxa de execução dececionante de apenas 12%”, um de vários fatores no PDR, vigente entre 2014 e 2020, que têm “consequências óbvias e negativas na floresta portuguesa”.

O artigo foi publicado originalmente em SAPO 24.

Comente este artigo
Anterior Incêndios. Situação estabilizada em Vila de Rei e Mação mas Proteção Civil coloca “reservas” para esta tarde
Próximo Exportação para os Emirados Árabes Unidos de Bovinos

Artigos relacionados

Comunicados

CNA na Reunião de Reunião de Alto Nível sobre Agricultura Familiar e Desenvolvimento Sustentável na CPLP

A CNA participou, nos dias 6 e 7 de Fevereiro, em Lisboa, com uma significativa delegação de Agricultores, na Reunião de Alto Nível sobre Agricultura Familiar e Desenvolvimento Sustentável na CPLP (Comunidade dos Países de Língua Oficial Portuguesa). […]

Sugeridas

Fazer crescer hortícolas sem terra? Sim, já é possível

Gonçalo Louro, de 23 anos, descobriu a técnica da hidroponia através do pai e, juntos, investiram numa estufa hidropónica de cultivo sustentável, […]

Últimas

Projeto europeu pretende melhorar a resiliência das florestas a incêndios – 21 de outubro – Lousã

Na próxima segunda-feira, dia 21 de outubro, entre as 14h00 e as 17h30, o Laboratório de Estudos sobre Incêndios Florestais (LEIF) da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), […]