Incêndio na Grande Canária começa a perder força

Incêndio na Grande Canária começa a perder força

[Fonte: SAPO 24]

As primeiras notícias de hoje sobre o ponto de situação do fogo dão conta de que afinal o incêndio não entrou na Reserva Natural de Inagua.

O incêndio, que começou no sábado em Valleseco, já obrigou à retirada de nove mil pessoas e afetou mais de seis mil hectares, continuando ativo, com os esforços concentrados em impedir que as chamas atinjam as regiões mais povoadas.

Na ilha existem 20 estradas que foram cortadas e não é esperado que as pessoas retiradas possam regressar em breve às suas casas.

Na segunda-feira à noite, o presidente das Canárias, Ángel Víctor Torres, e o ministro da Agricultura, Pesca e Alimentação, Luis Planas, adiantaram que o incêndio tem um perímetro de 60 quilómetros e afeta oito municípios da ilha.

Durante a noite, 470 operacionais combateram o fogo e hoje de madrugada o dispositivo foi reforçado com os meios aéreos a subir de 16 para 21.

Durante três dias, o fogo avançou pelo cume a norte da Grande Canária, de leste a oeste, sem a possibilidade de controlo em várias das suas frentes, porque a altura das chamas e as condições meteorológicas (alerta laranja para o calor) tornaram tecnicamente impossível a extinção do incêndio.

Os difíceis acessos nalgumas zonas, as altas temperaturas e a baixa humidade estão a dificultar o combate às chamas.

Comente este artigo

O artigo Incêndio na Grande Canária começa a perder força foi publicado originalmente em SAPO 24.

Anterior Mais de 500 milhões de abelhas mortas em três meses
Próximo NBT’s * Monthly News * March-April 2019

Artigos relacionados

Nacional

Seminário final do projecto de promoção do azeite do Alentejo em mercados externos

[Fonte: Revista Frutas Legumes e Flores]

O Convento do Espinheiro, em Évora, acolhe, às 17h00 de 29 de Agosto, o “Seminário Final do Projecto Promoção do Azeite do Alentejo em Mercados Externos”. Este evento é organizado pelo Centro de Estudos e Promoção do Azeite do Alentejo (Cepaal). […]

Comunicados

Segunda edição de selos “Frutas de Portugal” apresentada oficialmente na IV Gala Viva

A TerraProjectos e os CTT apresentam, formalmente, amanhã, dia 16 de Novembro, a segunda edição dos selos “Frutas de Portugal”. A apresentação vai decorrer em Santarém durante a IV Gala Viva “frutas e legumes de Portugal”, organizada pelo COTHN (Centro Operativo e Tecnológico Hortofrutícola Nacional) e pela revista Frutas Legumes e Flores que, […]

Sugeridas

Seca. “É necessária uma reinvenção” na agricultura

[Fonte: Rádio Renascença]

É preciso preparar o futuro na agricultura para se enfrentar as alterações climáticas, defende Eduardo Oliveira e Sousa, presidente da Confederação dos Agricultores e Portugal (CAP).
Convidado do programa As Três da Manhã, Oliveira e Sousa admite que “há culturas que possivelmente vão deixar de poder ser feitas, […]