Há dez novas crias de lince ibérico no Vale do Guadiana

Há dez novas crias de lince ibérico no Vale do Guadiana

A população de linces ibéricos está a crescer em Portugal, mais concretamente no Vale do Guadiana, com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) a confirmar esta terça-feira que nos últimos meses nasceram dez novas crias da espécie naquela localidade.

Em comunicado, o ICNF adianta que três fêmeas, Lagunilla, Nairobi e Lluvia, terão dado à luz nos últimos meses um total de dez crias, sendo que todas apresentam boas condições físicas.

O número de crias poderá vir a aumentar, já que os técnicos acreditam que, para além das três fêmeas, outras nove poderão ter engravidado. “Antevê-se que 12 fêmeas poderão ter-se reproduzido”, é apontado no comunicado.

As cinco crias da lince Lluvia, que foi solta em 2015, foram captadas em vídeo, naquele que é “o primeiro registo deste quantitativo para o Vale do Guadiana e um dos poucos até agora observados em liberdade”.

O facto de os linces estarem vivos aos dois meses de idade e já se encontrarem a acompanhar a mãe reflete a grande qualidade da zona de reintrodução, apontam os técnicos, que elogiam a capacidade demonstrada pela mãe de cuidar da sua prole.

A reintrodução do lince ibérico em Portugal iniciou-se em 2015 na área do Vale do Guadiana, concelho de Mértola. Crê-se que é o mamífero carnívoro mais ameaçado da Europa e a espécie de felino em maior risco de extinção em todo o mundo.

O artigo foi publicado originalmente em Rádio Renascença.

Comente este artigo
Anterior AlgaEnergy cria empresa conjunta na Índia com a Krishi Rasayan
Próximo Candidaturas aos apoios da PAC aumentaram 1,3% desde 2017

Artigos relacionados

Nacional

​Incêndios: Costa diz que as causas profundas nunca serão resolvidas pelo combate

As causas profundas dos incêndios “nunca serão resolvidas” a partir dos meios de combate, afirmou esta segunda-feira o primeiro-ministro, António Costa, […]

Sugeridas

Orçamento da UE: Alemanha endurece posição e países ricos aumentam a pressão para encolher mais o bolo

Alemanha, Países Baixos e Áustria continuam a tentar encolher o orçamento comunitário para 2021-27 e apontam para mais cortes na coesão […]

Nacional

Opinião: Cercados pelo fogo

 

João Vaz

A cena passou-se no Saltadouro, zona arborizada de Tavarede, durante o último grande incêndio florestal no concelho da Figueira, […]