Governo reforça defesa da floresta com 20 M€

Governo reforça defesa da floresta com 20 M€

Estão já abertas as candidaturas aos apoios disponibilizados pelo Governo para reforçar a defesa da floresta contra danos causados por agentes bióticos (pragas e doenças). No valor de vinte milhões de euros, o concurso apoia investimentos na prevenção e controlo de agentes bióticos nocivos com escala territorial relevante, e circunscritos a determinadas áreas críticas e prioritárias, para o pinheiro bravo, pinheiro manso, sobreiro e azinheira, castanheiro e eucalipto. As áreas prioritárias estão identificadas no aviso do concurso e entre as pragas abrangidas está a processionária do pinheiro, a vespa das galhas do castanheiro, o gorgulho do eucalipto e ainda o nemátodo da madeira do pinheiro.

Financiado pelo Programa de Desenvolvimento Rural-PDR2020, o concurso tem a verba distribuída por cinco sistemas florestais:

  • pinheiro bravo – oito milhões de euros
  • pinheiro manso – três milhões de euros
  • sobreiro e azinheira – cinco milhões de euros
  • castanheiro – dois milhões de euros
  • eucalipto – dois milhões de euros

Cada beneficiário pode apresentar até três candidaturas, uma por sistema florestal. No caso dos povoamentos mistos, com exceção do sistema florestal sobreiro e azinheira, poderão ser submetidas duas candidaturas, uma por cada espécie. As Entidades Gestores de Zonas de Intervenção Florestal e as Entidades Gestoras de Baldios poderão submeter três candidaturas por cada ZIF e por cada unidade de baldio, respetivamente. Também as entidades coletivas públicas poderão apresentar três candidaturas por cada Mata Nacional e por cada perímetro florestal.

O aviso pode ser consultado no portal PDR 2020 www.pdr-2020.pt, através do qual podem igualmente ser formalizadas as candidaturas até ao dia 28 de junho.

Lisboa, 16 de abril de 2019

O artigo foi publicado originalmente em Gazeta Rural.

Comente este artigo
Anterior Incêndios. Observatório diz que resultado de 2018 “está longe de ser uma segurança”
Próximo PJ diz que não há mão criminosa no fogo de Monchique

Artigos relacionados

Nacional

As vinhas de Colares que encantaram Gordon Ramsay: “um dos segredos mais bem guardados de Portugal”

O calor da areia é o segredo para conseguir a boa maturação das uvas nas vinhas com 200 anos da região de Colares, explica o enólogo Hélder Cunha: vão brilhar com Gordon Ramsay no […]

Últimas

Cem mandarinas três-sóis foram a leilão por um milhão de ienes. A covid não estragou o negócio

O valor de um milhão de ienes pode parecer exorbitante, mas mesmo que seja o equivalente a 8804 euros não é coisa pouca para vinte quilos de mandarinas japonesas. Os produtores receavam que a […]

Últimas

Evaluation of CAP’s impact on climate change and greenhouse gas emissions

EU greenhouse gas (GHG) emissions from agriculture fell by more than 20% since 1990, but have stagnated since 2010. Still, as agricultural production has continued […]