Governo mantém taxa de segurança alimentar nos sete euros em 2021

Governo mantém taxa de segurança alimentar nos sete euros em 2021

A decisão foi publicada, esta sexta-feira, em Diário da República.

O Governo decidiu manter a taxa sanitária e de segurança alimentar nos sete euros para este ano, de acordo com um diploma publicado, esta sexta-feira, em Diário da República.

“O valor da «taxa sanitária e de segurança alimentar mais» para o ano de 2021, é de (euro) 7 por metro quadrado da área de venda do estabelecimento comercial“, pode ler-se no diploma.

A taxa em causa aplica-se a titulares de estabelecimentos de comércio alimentar de produtos de origem animal ou vegetal, estando isentos do pagamento os estabelecimentos com uma área de venda inferior a 2.000 metros quadrados ou pertencentes a microempresas.

O pagamento deve ser efetuado em duas prestações, após notificação eletrónica, de montante igual até ao final dos meses de maio e outubro, respetivamente.

O diploma, assinado pelo ministro de Estado e das Finanças, João Rodrigo Reis Carvalho Leão, e pela ministra da Agricultura, Maria do Céu de Oliveira Antunes, entra em vigor amanhã e produz efeitos a partir de 1 de janeiro de 2021.

Continue a ler este artigo no Notícias ao Minuto.

Comente este artigo
Anterior Prorrogado prazo para ações de formação para condução de tratores
Próximo Inquérito online sobre a Pera Rocha para estudar hábitos de consumo

Artigos relacionados

Nacional

Governo dos Açores implementa programa regional para a fruticultura

O Secretário Regional da Agricultura e do Desenvolvimento Rural anunciou hoje, em Angra do Heroísmo, que o Executivo açoriano vai implementar um Programa Regional para a Fruticultura. […]

Dossiers

Dois terços da área ardida em 2018 são de incêndios provocados por linhas elétricas, diz especialista

[Fonte: Visão] Xavier Viegas, investigador da Universidade de Coimbra, garante, em entrevista à VISÃO, que o problema dos incêndios associado às linhas elétricas tem vindo a aumentar. […]

Últimas

APROLEP levou propostas ao Ministério da Agricultura para vencer a crise do leite em Portugal

A Direção da APROLEP, Associação dos Produtores de Leite de Portugal, foi ontem recebida em audiência pelo Secretário de Estado da Agricultura e Alimentação, […]