Governo dos Açores realiza II Fórum da Caça na Ilha Terceira a 29 de Fevereiro – Angra do Heroísmo

Governo dos Açores realiza II Fórum da Caça na Ilha Terceira a 29 de Fevereiro – Angra do Heroísmo

O secretário Regional da Agricultura e Florestas anunciou que o II Fórum da Caça vai ter lugar a 29 de Fevereiro, na Ilha Terceira, reunindo especialistas regionais e nacionais, caçadores e associações representativas para uma reflexão alargada sobre os desafios da caça nos Açores, de forma a garantir a sua sustentabilidade.

“A caça é uma actividade com tradição e múltiplos impactos na Região, do ponto de vista ambiental, agrícola e económico, que exige articulação e reflexão conjunta para reforçar a estratégia de desenvolvimento sustentável pretendida, tendo sempre como meta a preservação da oferta de caça que caracteriza e distingue a Região”, afirmou João Ponte.

O evento, que tem como tema ‘Caça nos Açores: Uma Visão Actual’, é organizado pela Direcção Regional dos Recursos Florestais (DRRF) e vai decorrer no Centro Cultural e de Congressos de Angra do Heroísmo.

Gestão cinegética

As comunicações programadas vão incidir sobre a realidade da caça nos Açores e as perspectivas futuras, a gestão cinegética em Portugal continental, os resultados da monitorização das espécies cinegéticas na Região, o impacto da Doença Hemorrágica Viral nas populações de coelho-bravo, aspectos genéticos e sanitários das populações de espécies cinegéticas, bem como a importância social, ambiental e económica da caça.

Entre os oradores convidados estão representantes do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, do Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos, da Universidade do Porto, da Confederação Nacional de Caçadores Portugueses e da Direcção Regional dos Recursos Florestais.

O I Fórum da Caça decorreu em Outubro de 2018, no concelho de Vila Franca do Campo, em São Miguel.

Agricultura e Mar Actual

O artigo foi publicado originalmente em Agricultura e Mar.

Comente este artigo
Anterior Associação das vítimas de Pedrógão critica programa do Governo para o interior: “Atrai-se as pessoas e depois elas vivem de quê?”
Próximo Proposta do BE para impedir mais regadio no Alentejo foi chumbada

Artigos relacionados

Últimas

Mau Tempo. Governo abre avisos de 11 milhões de euros para apoiar agricultores do Norte e Centro

A Ministra da Agricultura explica que estes apoios servem para cobrir os prejuízos provocados pelo mau tempo, para que a “atividade agrícola […]

Últimas

Covid-19: Produtores de flores vivem drama e perdem mais de 2ME por dia

Os produtores de flores consideram estar a viver um drama com o cancelamento de eventos e estimam estar a perder mais de dois milhões de […]

Blogs

Precisamos de falar (II) – O mistério das placas vermelhas

Foi no fim de semana, numa conversa à volta da panela de leite que levei do meu tanque direto para a feira de natal da  […]