Governo dos Açores investe 2,1 ME em infraestruturas agrícolas na ilha Terceira

Governo dos Açores investe 2,1 ME em infraestruturas agrícolas na ilha Terceira

[Fonte: Açoriano Oriental]

O Governo dos Açores vai investir uma verba superior a 2,1 milhões de euros em infraestruturas agrícolas na ilha Terceira, como caminhos, abastecimento de água e eletrificações, anunciou o executivo regional.

Segundo a nota de imprensa, estes investimentos permitem melhorar as “condições de trabalho aos agricultores, contribuir para a redução de custos e melhorar a competitividade das explorações, numa fase em que existe uma grande pressão ao nível do rendimento das explorações leiteiras em virtude do preço do leite pago à produção”.

O anúncio foi feito pelo secretário Regional da Agricultura e Florestas, João Ponte, durante a inauguração do Caminho Florestal da Ramada, em Angra do Heroísmo, uma empreitada que beneficia 18 explorações agrícolas, numa extensão de dois quilómetros.

Este ano serão feitas intervenções no Caminho Agrícola do Mal Farto e do Ginjal, da responsabilidade do Instituto Regional de Ordenamento Agrário (IROA), e no Caminho Rural da Serra do Cume e do Bairro Vermelho, através da Direção Regional dos Recursos Florestais, que perfazem um total de 1,8 milhões de euros.

O dirigente salientou que os investimentos do executivo “são de grande relevância e têm um impacto importante e direto nas estruturas de custo das explorações agrícolas”.

Comente este artigo

O artigo Governo dos Açores investe 2,1 ME em infraestruturas agrícolas na ilha Terceira foi publicado originalmente em Açoriano Oriental.

Anterior Portugal aumentou em 7% a área de cultivo de árvores de fruto
Próximo El Ministerio asignará una media de 4.563,56€ por los nuevos derechos de la Reserva Nacional de Pago Básico de 2018

Artigos relacionados

Nacional

Comissão Vitivinícola dos Açores passa a 'verificar' genuinidade dos vinhos não certificados

[Fonte: Açoriano Oriental]

A Comissão Vitivinícola Regional dos Açores (CVR) vai passar a emitir pareceres técnicos para o Governo sobre o controlo da genuinidade e qualidade dos vinhos não certificados produzidos e/ou engarrafados na região. […]

Últimas

“Que ninguém pense acabar com os touros de morte em Barrancos”

[Fonte: Público]

O regime de excepção aprovado em 2002 que permite à população da vila raiana manter as suas touradas “à […]

Últimas

Port Wine Day arranca este sábado, 1 de setembro, com o desafio de “contagiar a cidade”

Nota de Imprensa | 29.08.2018
Instituto dos Vinhos do Douro e do Porto, em articulação com restaurantes, empresas e bares, convida a homenagear o Vinho do Porto de 1 a 10 de setembro. […]