Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola assina Carta de Lisboa

Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola assina Carta de Lisboa

O Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA) assinou hoje em Roma a “Carta de Lisboa pelo Fortalecimento da Agricultura Familiar”. Iniciativa do Governo português, a Carta de Lisboa tem como objetivo principal reconhecer a importância da Agricultura Familiar e reforçar o compromisso dos Estados-membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) com a implementação de políticas públicas  e de estratégias tendentes a discriminar positivamente os agricultores.   

Com a assinatura do documento pelo FIDA, hoje formalizada, está assim concluído o processo de assinatura do documento, um compromisso que envolve também os governos dos países da CPLP, os Mecanismos de Participação no Conselho de Segurança Alimentar da CPLP, a CPLP e a FAO – Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura na concretização de uma estratégia comum para acabar com a fome no espaço lusófono. Capoulas Santos, Ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, considera que “a Carta de Lisboa é um passo muito importante para a concretização dos objetivos que já vêm traçados do passado, no sentido de ir tão longe quanto possível no grande objetivo de combater a fome e a denutrição e promover a pequena agricultura familiar”.

O documento foi assinado, em fevereiro, durante a Reunião de Alto Nível que concentrou em Lisboa os representantes de 17 milhões de agricultores familiares e de 500 organizações da sociedade civil, para além dos representantes do setor agroindustrial, do ensino superior e das entidades ligadas à investigação. Marcaram igualmente presença delegações dos países da CPLP e de diversas instituições, das quais se destacam o FIDA  e a FAO.

O Estatuto da Agricultura Familiar, adotado em Portugal, foi aprovado pelo Governo a 7 de junho. 

Lisboa, 15 de outubro 2018

 

Comente este artigo
Anterior Intempérie afecta produtores de milho da região Centro
Próximo Ciclo de conferências de Pequenos Frutos - 31 outubro - Guimarães

Artigos relacionados

Comunicados

Inquérito Anual aos Lagares de Azeite: aumento de 51% na produção de azeite – novo máximo histórico de produção

Estimamos que a produção nacional de azeite tenha atingido 140,5 mil toneladas (máximo histórico). […]

Dossiers

PDR2020: Pequenos Investimentos na Exploração Agrícola

Operação 3.2.2 – Pequenos Investimentos na Exploração Agrícola (9º Anúncio) […]

Comunicados

Cientistas alertam para falta de regulamentação na utilização de abelhões polinizadores nas estufas

Lisboa, 20 de novembro 2018
Um novo estudo científico recomenda aos agricultores em Portugal um maior cuidado na eliminação das caixas de colmeias comerciais utilizadas para polinização em estufas agrícolas. […]