Fundão decreta luto municipal por morte de vereador

Fundão decreta luto municipal por morte de vereador

A Câmara do Fundão decretou luto municipal em homenagem ao vereador com os pelouros da Agricultura e da Gardunha, Paulo Águas, que morreu hoje nos Açores, onde se encontrava a passar férias.

“Neste momento, importa realçar a forma empenhada, dedicada e extremamente profissional com que o vereador Paulo Águas desempenhou a sua função na Câmara Municipal do Fundão”, aponta a autarquia do distrito de Castelo Branco, numa nota de pesar.

Contactado pela agência Lusa, o presidente da Câmara do Fundão, Paulo Fernandes, manifestou “profunda consternação e pesar” com a perda do vereador que exercia funções a tempo inteiro e referiu que as causas da morte ainda são desconhecidas, sabendo-se apenas que poderá ter sido na sequência de uma atividade de mergulho.

“O Município do Fundão apresenta sentidas condolências à família e amigos deste ilustre cidadão do nosso concelho. É uma enorme perda para a família, para os amigos, para a autarquia, para o concelho do Fundão e para a região”, acrescenta a nota de pesar.

O documento salienta igualmente “a forma empenhada, dedicada e extremamente profissional com que o vereador Paulo Águas desempenhou a sua função na Câmara Municipal do Fundão”.

Paulo Águas tinha 56 anos, foi eleito nas últimas eleições autárquicas e exercia funções a tempo inteiro, tendo os pelouros da Gardunha, Desenvolvimento Rural, Agricultura, Ordenamento do Território, Valorização dos Produtos Locais, Internacionalização, Avaliação e Monitorização.

Docente, desde junho de 1991, no Instituto Politécnico de Castelo Branco, também desempenhou os cargos de presidente da Direção do Centro Operativo e Tecnológico Hortofrutícola Nacional e de vice-presidente da Confederação dos Agricultores de Portugal (2013-2016), além de ter sido membro da Direção da AREFLH (Assemblé dês Regions Européennes Frutiéres et Horticoles).


Continue a ler este artigo no Sábado.

Comente este artigo
Anterior Governo declara situação de alerta devido a aumento de risco de incêndio rural
Próximo Agricultores de Aveiro pedem medidas de apoio à agricultura familiar

Artigos relacionados

Nacional

A ACTUAR realiza inquérito no âmbito do projeto Agricultura Familiar

A ACTUAR – Associação para a Cooperação e o Desenvolvimento , está a realizar um inquérito “Consulta global de avaliação do primeiro biénio de implementação da Década da Agricultura Familiar das Nações Unidas | 2021” […]

Ofertas

Oferta de emprego – Técnicos Agrícolas – Engenheiro Agrónomo, Florestal ou Zootécnico – Projeto IFAP-SGS 2021

Queres fazer parte de um projeto motivador, com o qual te identifiques e cuja abrangência e relevância pode fazer a diferença no panorama nacional? […]

Dossiers

Oferta de estágio – Técnico Florestal – Engenheiro Florestal – Centro

Empresa consultoria no sector florestal, encontra-se a recrutar, para apoio do corpo técnico da Área de Certificação Florestal da 2BForest, […]